quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Um ano inesquecível

2012 ficará sempre na minha memória.
Por óptimos e péssimos motivos. Foi um ano de mudança, de transição em que muitas vezes desejei que a mudança não fosse assim tão grande...
Foi um ano que me deu muitas oportunidades, que me  fez crescer como pessoa e como mulher, como companheira, como amiga, como filha, irmã, tia...
Foi também o ano em que iniciei este projecto na blogosfera, o qual se veio juntar a um projecto iniciado em 2011 na rede social Facebook.
Tesouras&Tiaras é um conceito do qual me orgulho muito e que me trás todos os dias uma alegria imensa. É óptimo ver o impacto que um gosto em comum pode ter na vida das pessoas, e as amizades e conhecimentos que daqui surgiram, surgem e tenho a certeza, surgirão no futuro.
Este ano que está a chegar ao fim, foi pródigo em importantes eventos Reais. Este blog apenas começou a registar em Maio, e por isso perdemos as celebrações dos 40 anos de reinado da Rainha Margrethe II da Dinamarca, logo em Janeiro. Mas tirando isso, este blogue orgulha-se de ter opinado acerca da grandiosidade e sentido de orgulho nacional que rodeou o Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II, a doçura e emoção presentes nos baptizados das Princesas Estelle da Suécia e Athena da Dinamarca, o entusiasmo, apoio e inquestionável dedicação que as várias casas reais prestaram às equipas olímpicas dos seus países durante os Jogos Olímpicos de Londres. Acompanhámos os Duques de Cambridge no seu Tour pelo Sudeste Asiático e Ilhas do Pacífico, assistimos ao casamento real do Luxemburgo, com toda a loucura que isso significou e mesmo no final do ano novos casamentos reais foram anunciados para 2013 bem como a chegada do futuro herdeiro do trono britânico, filho(a) de William e Catherine.
Grandes memórias, e enormes expectativas pelo ano que se avizinha.
Certa de que vou continuar a contar com o vosso apoio, eu, em nome do Tesouras&Tiaras, agradeço-vos por este maravilhoso prazer que é ter leitores de todo o mundo a seguir as minhas publicações.
Agradeço-vos essa confiança.



Desejo-vos um Excelente 2013!!!!!

Para o ano cá estarei, a comentar estilos, eventos, novidades ou apenas boatos da Realeza Mundial!!!

Saudações

L.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

O melhor de 2012 - Princesa Charlene do Mónaco

Não é novidade. Não sou grande fã desta Casa Real, e a Princesa Charlene do Mónaco não está na minha lista dourada. Atenção, não que eu tenha uma lista negra. Não tenho....pelo menos no que diz respeito à Realeza!! :P
2012 também foi um ano de consolidação para a primeira-dama do Rochedo, tendo abraçado algumas causas de solidariedade, participado em alguns eventos no Mónaco, e algumas viagens de estado como à Finlândia e Polónia. Como ex-atleta olímpica esteve presente e muito entusiasta em Londres 2012, e como única Princesa reinante de todas as que falei até agora, também marcou presença nas comemorações do Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II do Reino Unido. Achei que ao longo de 2012, Charlene não acompanhou o Príncipe Albert tanto como deveria, mas se calhar sou eu a ser implicativa.
Em termos de estilo Charlene, sempre fiel a Akris e Armani Privé, começou o ano bem, mas depois descobriu os vestidos sem costas, ou pelo menos com grande parte das costas a descoberto, e a coisa tornou-se menos bonita de ver.
Apostou nas mudanças de penteado, o que na minha opinião também foi piorando ao longo de 2012.

Categoria "Eu sou Princesa"


E este look foi eleito somente por isso mesmo. Foi dos únicos em que se pode dizer que Charlene é uma Princesa e não uma celebridade qualquer de Hollywood. For a a primeira vez que a Princesa usou a faixa e insígnia da Ordem de St. Charles, e foi isso que fez a diferença, no concerto do Dia Nacional do Mónaco em Novembro. Pessoalmente o vestido não é nada do meu agrado. Menções honrosas para este, este (adoro o penteado) e este belíssimo visual.

Categoria "Requinte é Classe"


No almoço oferecido pela Rainha Elizabeth II em Junho aos soberanos mundiais  por ocasião das celebrações do Jubileu de Diamante, Charlie deslumbrou com este modelo saia e casaco em azul-celeste. Uma cor que muito favorece a sul-africana e que foi o meu favorito de 2012. O penteado também esteve bastante bem. Dentro desta categoria ainda uma referência a este, este e este visual.

Categoria "Grr.."



Não, Não e Não!! E por isso que é raro eu gostar da Alta costura usada pelas damas do Mónaco. Ás vezes ser Princesa requer menos, muito menos, Charlene.
Até o traje da Finlândia me parece melhor..


Concordam com as escolhas?

E pronto, chegámos ao fim.
BOAS FESTAS!!!!

O melhor de 2012 - Princesa Máxima da Holanda

"Meu Querido Menino Jesus, dá-me coragem e sabedoria para escrever este post. Ámen!"
Ora bem, não será a última princesa de quem vou falar, mas foi a mais difícil de descrever.
Máxima, é o máximo na hora de vestir. Extravagante, consegue com que por mais mirabolante que seja o modelo que está a usar, derreter-nos com o seu à-vontade e o seu sorriso. É impossível ficar escandalizada. Eu pelo menos não consigo...
Não sendo a mais elegante Princesa, é a mais espontânea e quando uma pessoa se sente bem na sua pele, independentemente do que está a usar, é o que basta para qualquer look brilhar....bem ou quase qualquer look.
Neste ano, Máxima fez várias viagens internacionais, incluindo à Indonésia, e os Emirados Árabes Unidos, nadou no canal de Amesterdão, participou em várias reuniões nacionais, marcou presença em eventos como o Baptizado da Princesa Estelle da Suécia, um casamento na família (uma prima do seu marido) e o Casamento Real do Luxemburgo, animou as hostes holandesas durante os Jogos Olímpicos e ainda enfrentou a dor do acidente na neve que deixou o seu cunhado, o Príncipe Friso da Holanda, em coma desde Fevereiro.
Em relação a acidentes, perdão, escolhas de moda, Máxima é fã da Casa Natan com algumas aventuras à Casa Valentino.

Categoria "Eu sou Princesa"


Este dia é equivalente aos Prémios Nobel na Suécia. Apesar de não ter tiara, é facilmente encontrado aqui um vestido que mereça estar nesta categoria. Em Setembro na Abertura do Parlamento Holandês, as damas reais trocam as tiaras por chapéus. E geralmente gosto muito das escolhas de Máxima. Este vestido fuscia é uma delícia e fica maravilhosamente bem à futura Rainha da Casa de Orange. Não, não me convenci de todo com o vestido usado no jantar de gala prévio ao casamento do Luxemburgo. Lamento...são escolhas da vida!!

Categoria "Requinte é Classe"


Um empate. Apesar dos tons monocromáticos dos dois visuais, estes dois looks estiveram entre os melhores por motivos diferentes. O primeiro à esquerda, diz respeito ao casamento da sobrinha da Rainha Beatrix da Holanda,  a Princesa Carolina de Bourbon-Parma, em Junho passado. Corte simples, e saia divertida completam-se com um simples chapéu. Á direita temos um dos visuais usados na visita de Estado aos Emirados Árabes Unidos. Quanto a vocês não sei, mas eu acho que apenas Máxima consegue usar calças com um chapéu My Fair Lady, a parecer fantástica!!!! Outros looks que também favoreceram a princesa holandesa este ano foram este (eu gosto!!), este e este.

Categoria "Grrr..."


A Categoria serve para sogra e nora, ainda mais quando vêem uma a seguir à outra.
Algum pensamento que queiram partilhar comigo? Talvez isto vos inspire mais. Não? Ás vezes o silêncio é de ouro!! E uma olhada ao espelho antes de sair de casa também.

Categoria "Máxima"


Este visual Natan, com que Máxima se apresentou em Outubro passado no casamento do Príncipe Guillaume do Luxemburgo com Stephanie de Lannoy, causou sentimentos contraditórios.
Eu tive que o incluir numa categoria à parte. Categoria Máxima. Só ela...
E o lema desta categoria é: "Ou se ama, ou se odeia. Go Máxi!!"


E para vocês? São estes os visuais do ano para Máxima?

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

O melhor de 2012 - Princesa Mette-Marit da Noruega

Ora bem, começo aqui a quebrar algumas regras.
Sejamos sinceros Mette-Marit, por mais boa moça que possa ser, quando se tratar de moda, a coisa fica feia!!! E quando fica feia, fica mesmo feia...
É sempre uma grande expectativa para ver as suas escolhas e se, por vezes, temos surpresas deliciosas, outras há que levamos um susto e quase que gostaríamos de oferecer uma das nossas roupinhas compradas no chinês da esquina,  à princesa das Neves em troca de um Valentino, que pode ser Valentino, mas que lhe fica horrivelmente mal. E claro depois venderíamos o dito Valentino, para conseguir não comprar roupas no chinês e restabelecer o equilíbrio do Mundo...
Ainda não entendi se a futura Rainha da Noruega tem assessores de imagem. Se não tem, deveria ter. Se tem, por favor não despeçam a pessoa, mas arranjem-lhe outra posição porque nitidamente não está a assessoriar coisa nenhuma, muito menos a imagem, ou pelo menos o lado positivo da imagem.
Tudo isto para dizer, que sim é MUITO COMPLICADO escolher um modelo de cada categoria, porque tirando situações de gala, a maioria dos modelos que esta princesa usa são tudo menos abonatórios.
Foi um ano, em que à semelhança das suas colegas, também ela esteve presente em vários eventos nacionais, em algumas visitas de Estado, da qual se destaca a Indonésia, e no casamento real do Luxemburgo.
Quando a designers, M-M, até escolhe nomes como Emilio Pucci ou Valentino, um com mais sorte do que o outro. Adivinhem qual?

Categoria "Eu sou Princesa"


Como é tão raro vê-la tão bem, resolvi escolher dois. Até porque não consegui decidir. Mette-Marit consegue a proeza fantástica de ficar deslumbrante em tons claros, apesar de ser loura e ter um tom de pele, mais para o moreno. O que faz com que os seus melhores visuais em traje de gala sejam mesmo adequados a uma verdadeira Princesa das Neves.

Categoria "Requinte é Classe"


Muito difícil e não fiquei convencida  Os tons ficam-lhe bem, o cabelo está muito bonito, mas o casaco fá-la parecer o dobro do tamanho. Mas acreditem que tudo o que ela possa ter usado, dentro desta categoria é muito escuro, , deselegante, inapropriado, ou simplesmente não consegui categorizar: (ver aqui e aqui).


Categoria "Grrr..."


Dizem que " existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis".
A este vestido aplicam-se os três adjectivos. Mas apenas o do meio encontra eco na minha própria opinião...


Mette-Marit 2012. Sim? Não? Precisa desesperadamente de ajuda?

O melhor de 2012 - Princesa Mathilde da Bélgica

Ora bem, a dificuldade aumenta quando tentamos escolher roupas cujos estilos não são o nosso género.
A sorte de certas e determinadas pessoas é que são aparentemente simpáticas e de fácil trato, e além disso participam activamente em prole de causas importantes em representação da Coroa real,  porque em termos de roupa...SOCORRO!!!
Mathilde da Bélgica já anda nestas coisas desde 1999, por isso não tem nada a provar a ninguém, não sofre com comparações com antecessoras e as suas roupas não são, de todo, assunto de blogues....bem....se calhar só de alguns blogues. =P
No ano 2012, Mathilde compareceu a algumas visitas de estado ao exterior, como à Albânia e Vietname  esteve nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e também marcou presença nos eventos reais mais importantes deste ano, como o baptizado da Princesa Estelle ou o Casamento Real do Luxemburgo, além dos eventos nacionais.
É uma fã da casa Natan, com algumas visitas à Armani ou Prada, mas nada que nos sirva para nos regalar  o espírito na maior parte das vezes.
Mas há excepções...poucas mas elas existem!!!

Categoria "Eu sou Princesa"



Penso que foi o único evento este ano em que Mathilde usou vestido longo e tiara. E valeu pelo ano todo. Em Outubro no jantar de gala oferecido pelos Grão-Duques do Luxemburgo, por ocasião do casamento do seu filho, Mathilde deslumbrou neste vestido azul eléctrico.

Categoria "Requinte é Classe"


Numa rara excepção à feira dos horrores que consegue ser a casa Natan, Mathilde apareceu leve e brilhante ao baptizado da Princesa Estelle da Suécia, em Maio. Estas cores ficam-lhe muito bem e o conjunto era muito bonito.
Nesta categoria ainda podemos mencionar este, este, este, este ou ainda este visual, dentro daquilo que Mathilde pode usar, que lhe fica bem sem ferir a vista, ou sem que pareça ter o dobro do tamanho.

Categoria "Grr..."


O evento foi uma Missa em homenagem aos membros da família real já falecidos.
A isso juntam-se mais três perdas: a do pobre coitado animal que pode ter dado origem aquela gola, à figura de Mathilde que foi completamente assassinada aqui, e o suicídio fashionista que foi a combinação de azul escuro com castanho.


E para vocês? Qual o melhor look de Mathilde em 2012?

O melhor de 2012 - Princesa Victoria da Suécia

O ano 2012 foi cheio de novidades e ternura para a futura Rainha dos Suecos.
Foi mãe de uma linda menina em Fevereiro e pode dizer-se que a maternidade lhe assenta muito bem.
O mesmo não se pode dizer das suas escolhas em termos de roupas para 2012. Se, por um lado, deixámos de ver as roupas escuras e enfadonhas que usou durante a gravidez, a verdade é que muitas das escolhas da nossa Vicky ao longo do ano deixaram muito a desejar. 
Mas não me entendam mal, a princesa tem roupas bastante giras, o grande problema de Victoria são mesmo os acessórios e a maneira como usa o cabelo que,  na maior parte das vezes lhe dá um ar bastante pesado.
Ao longo do ano, a princesa não viajou muito, devido à tenra idade da princesa Estelle, tendo comparecido maioritariamente a eventos e recepções nacionais, incluindo o baptizado da pequena princesa em Maio. A única excepção parece ter sido o casamento real do Luxemburgo em Outubro.
Não sou grande perita em termos de descobrir os seus estilistas favoritos. Se para galas, ultimamente ( e, ainda bem!) a escolha tem recaído em Elie Saab, já em ocasiões formais mas menos protocolares, a Princesa usa Escada ou mesmo Malene Birger.

Categoria "Eu sou Princesa"


Nada melhor do que esperar pelo fim do ano para a Gala de Entrega dos Prémios Nobel. E neste evento é fácil encontrar um modelo digno de uma princesa. Vitória escolheu este Elie Saab alta costura, bordado a lantejoulas verde esmeralda e com decote nas costas. As jóias completaram o look, e se a tiara não é definitivamente do meu agrado, é impossível ficar indiferente ao conjunto de esmeraldas do qual fazem parte o magnifico colar e os broches usados no cabelo e na faixa. Soberbo!!


Categoria "Requinte é Classe"


A nossa herdeira sueca é grande fã de toucados, mais até do que de chapéus. No baptizado da filha em Maio, usou um vestido rosa com aplicações em renda também Elie Saab. O simples toucado completava o look, com jóias minimalistas e Ordem da família à lapela. Para mim foi a imagem da ternura, só superada pela Princesa Estelle, com a sua super faixa da Ordem do Sarafim!!
Ainda neste categoria podemos encontrar mais alguns looks que por um pormenor ou outro também marcaram a diferença, como este nos Prémios da Música, em que o vestido não é lindo, na minha opinião, mas que vale pelo penteado wildou este na Abertura do Parlamento em Setembro, ou ainda este numa Audiência no Palácio Real em Novembro.

Categoria "Grrr"


Oh minha querida Vitória, a sério...Os casamentos reais são para brilhar, não para usar esse casaco que mais parece um robe de comprimento duvidoso e essa panqueca na cabeça. Não, a sério, vejam melhor. Parece uma panqueca, ou não?
Bem, era isto ou a Vicky versão hula-hula...


Após ter sido mãe, acham que Victoria melhorou o seu estilo?

O melhor de 2012 - Princesa Letizia de Espanha

A Crise económica também chega às Casas Reais Europeias. E a nossa vizinha Espanha é um bom exemplo disso.
Letizia, como grande parte das suas colegas de trono europeias, também dá cartas na hora de repetir roupas (diria que apesar de ter sido pioneira em tal acto, é também aquela que o faz com menos imaginação). Ao longo de 2012 vimos muitos vestidos, sapatos, fatos e blusas, sapatos e malas já nossos velhos conhecidos. Umas vezes mais jovial, outras mais clássica, quando a ocasião o pedia, a princesa das Astúrias, controversa no que toca ao seu estilo, conseguiu ao longo do ano não ter grandes falhas, nem grande deslumbramento. Low profile como se pede em época de austeridade.
No ano de 2012, Letizia marcou presença maioritariamente em eventos nacionais (muitos mesmo!), fez algumas visitas de estado mas sempre muito discretas, uma das quais a Portugal, compareceu aos Jogos Olímpicos de Londres 2012, celebrou o seu 40º aniversário e compareceu,  apenas na cerimonia religiosa, ao casamento de Guillaume e Stephanie do Luxemburgo. 
Devido às três cirurgias a que o rei Juan Carlos foi submetido este ano, coube a Felipe e Letizia a responsabilidade de presidir a várias audiências e eventos em representação do rei.
Na hora de escolher os eleitos para as três categorias que seleccionei, deparei-me com um grave problema no que diz respeito a Letizia. É que sabem, há mais de dois anos, que não se vê uma Recepção de tiara e vestido longo na Casa dos Bourbon. Triste mais é verdade.
Em relação a designers, Letizia não arrisca muito: Mango, Hugo BossAdolfo DomínguezUterque e sempre, sempre Felipe Varela. Este ano os blazers e conjuntos em tweed foram uma grande aposta da Princesa (ver aqui, aqui, aqui e aqui)

Categoria "Eu sou Princesa"


Uma rapariga trabalha com o que tem. E de todos os modelos usados por Letizia em 2012, este belíssimo vestido de Felipe Varela, é aquele que se aproxima mais da categoria de Princesa. A Princesa usou-o pela primeira vez no jantar de estado oferecido pelo Presidente da República Portuguesa, aos Príncipes das Astúrias na sua visita ao nosso pais em Maio. Completou o look com brincos de diamantes e sapatos nude. Este vestido foi ainda usado para as fotografias oficias da Princesa, por ocasião do seu 40º aniversário em Setembro.

Categoria "Requinte é Classe"


Em Outubro a realeza europeia concentrou-se no pequeno Grão-Ducado do Luxemburgo para o casamento do Príncipe Herdeiro. A princesa das Astúrias foi para mim a mais bem-vestida da cerimónia religiosa (a par da noiva e da Princesa Mary da Dinamarca). E se dúvidas houvesse na altura de eleger este look nesta categoria, o facto de ter sido o único evento no ano em que vimos Letizia de chapéu e luvas, ajudaria na decisão. O casaco Felipe Varela era simplesmente divinal e o chapéu Pablo y Mayaya soberbo.
Letizia, no entanto nunca é assim tão formal, e portanto, caso este casamento não tivesse existido, eu poderia escolher modelos como este, este, este ou ainda este.

Categoria "Grr"



Não, Letizia não foi fotografada numa ida às compras, nem tão pouco a jogar ténis.
Foi mesmo numa entrega de prémios em Setembro.
Jovial, mas nem tanto Leti!!


E vocês? Concordam com as minhas escolhas para Letizia 2012?

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

O melhor de 2012 - Princesa Stephanie do Luxemburgo

Ouvi falar da Condessa Stephanie de Lannoy, pela primeira vez, quando ficou noiva de Guillaume, príncipe herdeiro do Luxemburgo, em Abril de 2012.
Pelos vistos o seu namoro já tinha muitos anos, mas a descrição da Família Ducal do Luxemburgo tem destas coisas. Este foi o seu primeiro ano na mira do escrutínio dos apaixonados pela realeza, que é como quem diz, pessoas completamente neutras e nada opiniosas como eu....  Fui credível? 
Stephanie, belga de nascença, desde o anúncio do seu noivado em Abril, até ao casamento em Outubro, teve tempo para um baptizado real, várias recepções enquanto noiva real, presença nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e um funeral - o da sua mãe. =(
Quanto ao seu casamento, em dois dias, usou 4 modelos diferentes, o que já nos dá algum material para a escolha do melhor e também do pior do ano.
Quando às marcas de eleição, Stephanie, como boa nora de Maria-Teresa que é, rendeu-se à alta-costura Elie Saab, mas também (igualmente como boa nora que é..), à casa belga Natan.
Será preciso mais tempo para conhecer melhor as escolhas da futura Grã-Duquesa do Luxemburgo.

Categoria "Eu sou Princesa"


Foi o momento triunfal de Stephanie em 2012, por isso a escolha não foi difícil  Em Outubro, esta belga torna-se Princesa Herdeira do Luxemburgo, e escolheu para a cerimónia de casamento religioso, este magnifico vestido, num design cheio de pormenores de Elie Saab. Pode parecer injusto escolher o vestido de noiva para esta categoria, porque todas as noivas parecem uma Princesa. Pois, pode ser, mas nem todas as noivas usam Elie Saab no dia do seu casamento. Tenho dito.

Categoria "Requinte é Classe"


Na primeira aparição em eventos reais como futura princesa, a jovem condessa compareceu ao baptizado da Princesa Estelle da Suécia em Maio, usando um discreto conjunto de vestido branco, com casaco e acessórios cinza. Uma escolha jovial e elegante que não a deixou ficar mal na figura e que teve o meu aval.

Categoria "Grr..."


Em vésperas de casamento foram divulgadas fotos do casal. Elucidem-me: o que usa Stephanie? 
1) um vestido pré-mamã? 2) um vestido da avó? 3) uma tenda do Circo Russo?
Eu nunca entendi...


Acham que Stephanie é uma promessa em termos de estilo?

O melhor de 2012 - Princesa Mary da Dinamarca

Eu gosto de me torturar...Surgem ideias giras para posts, do tipo: "Vamos lá escolher um vestido de gala, um visual diurno, e o look que eu menos gostei das Princesas europeias". Giro. E depois deparo-me com a Princesa Mary da Dinamarca, que é de todas a que tem um estilo mais parecido ao meu, sendo raro desgostar de algo que ela use (se bem que acontece...). E nestas altura tenho um bloqueio cerebral.
Respiro fundo, beneficio de um excelente post que H.S. fez no seu blogue Style of Mary em jeito de retrospectiva 2012, e ganho coragem para fazer escolhas...

Mary teve um ano 2012 bastante preenchido. A rainha Margrethe II comemorou o Jubileu de Rubi (40 anos no trono) e o inicio do ano foi marcado por várias comemorações. Ganhou um sobrinha em Fevereiro, com o nascimento da Princesa Athena da Dinamarca, celebrou o seu 40º aniversário, e foi Madrinha da futura Rainha da Suécia, a Princesa Estelle. Continuou o seu trabalho em prole da Fundação Mary, fez viagens em representação da coroa a diversos países como Coreia do Sul, Gronelândia, Brasil, Moçambique e China e ainda foi presença constante nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e marcou presença no Casamento Real do Luxemburgo.
Em todos estes eventos Mary mais uma vez usou marcas de eleição, reciclou bastantes acessórios e algumas roupas, e conjugou na perfeição a ocasião com o seu estilo elegante, sofisticado mas ao mesmo tempo bastante simples. A sua escolha recai sempre para marcas dinamarquesas mas também internacionais, como Heartmade, Prada, Alberta Ferratti, Hugo BossMalene Birger ou Jesper Høvring.


Categoria "Eu sou Princesa"


O ano começou bem. Nos primeiros dias de Janeiro, a Família Real Dinamarquesa comparece às Recepções de Ano Novo, num conjunto de 3 dias em que dão as boas-vindas aos corpos diplomáticos da Dinamarca. No primeiro evento Mary deslumbrou num longo vestido de veludo vermelho modificado desde a sua última aparição. É simples, é de veludo, tem um certo ar medieval e combina na perfeição com o Conjunto de Rubi de Mary. Foi também a primeira vez que a princesa usou as folhas extra da tiara de rubi (após alterações) como acessórios de cabelo. Mais realeza do que isto, e difícil.


Categoria "Requinte é Classe"


Em Outubro, a Família real dinamarquesa compareceu à abertura do Parlamento. Nada neste conjunto é novidade. Mary já tinha usado, em diversas ocasiões, variações destas peças. Mas eu não me canso de ver. O conjunto nude de saia e top Heartmade em renda é simplesmente requintado, e um simples casaco preto, com a sobriedade de um chapéu e a leveza de acessórios também nude (inclui luvas, yeah!), completa de forma soberba o conjunto. Nesta categoria, poderiam ser vários os looks escolhidos. 
Menções honrosas para os modelos usados nas celebrações do Jubileu de Rubi da Rainha (ver aqui e aqui), e para alguns modelos mais leves que Mary usou em várias aparições  (ver aqui, aqui e aqui).

Categoria "Grrr"


Pois, eu confesso que não houve nenhum look que eu achasse que tivesse sido uma grande falha. Este visual peca única e exclusivamente pelos botins azuis. Fim de história!!!



E pronto!  Gostaram do estilo Princesa Mary 2012?

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

O melhor de 2012 - Duquesa de Cambridge

O T&T prepara-se para as Festas que se avizinham.
Resolvi fazer durante esta semana uma escolha dos looks que mais gostei das nossas Princesas favoritas ao longo de 2012.
A escolha recai sobre um vestido longo, um modelo mais diurno e finalmente o pior look do ano.
Atenção: Esta é a MINHA escolha, por isso tem o valor que tem.

Comecemos pela Duquesa de Cambridge.
O ano de 2012 foi a consolidação como novo membro da Família Real Britânica. O ano começou com os seus primeiros actos a solo, o anúncio e apoio das diversas instituições das quais é Patrona, várias aparições em eventos comemorativos do Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II, o apoio incontestável aos atletas olímpicos durante os Jogos Olímpicos de Londres 2012, uma viagem em representação da rainha pelo Sudoeste Asiático e Ilhas do Pacifico Sul, e por fim, o anúncio de gravidez.  
Um ano em cheio para Catherine!
Em termos de moda, a coisa não esteve nada mal. Fiel a criações da Casa McQueen, Temperley London, Jenny Packham, LK Bennet ou Erdem, a duquesa renovou diversas peças de vestuário e calçado ao longo do ano, apostando principalmente em marcas britânicas. O cabelo foi o eterno calcanhar de Aquiles da Duquesa que parece ainda não se ter rendido aos apanhados, mesmo que o cabelo solto não deixe a indumentária brilhar tanto como poderia.
Aqui ficam os meus looks de eleição para Catherine no ano de 2012

Categoria "Eu sou Princesa"


Quando vi esta vestido pela primeira vez, ia caindo de costas. Ora vejamos: cor linda, pormenores em renda, costas rendadas e cabelo apanhado. Golden Star!!!!
Em Maio, William e Catherine como embaixadores olímpicos estiverem presentes numa Gala de Angariação de Fundos para o Comité Olímpico Britânico.
A duquesa escolheu um modelo da colecção nupcial Jenny Packham Outono/Inverno 2012, em cor entre o azul turquesa e esmeralda, bordado a motivos florais com cristais Swarovski . A clutch foi uma peça também do mesmo criador feita com o mesmo tecido usado no vestido (ver aqui detalhes). 
O meu vestido favorito da duquesa até agora!

Categoria " Requinte é Classe"


Em Março a duquesa acompanhou a Rainha e o Duque de Edimburgo a Leicester para o arranque das visitas comemorativas do Jubileu de Diamante da Rainha.
Catherine esteve a meu ver chique de doer!!!!! Num estilo muito anos 40, a duquesa elegeu um conjunto verde de LK Bennet, com chapéu James Lock. Adoro a cor, corte e detalhes. Para estar perfeito, só faltava um par de luvas pretas.

Categoria "Grr..."


No inicio de Julho, Catherine e alguns membros da Família Real estiveram presentes na Escócia para a cerimónia de investidura do William, como Cavaleiro da Ordem do Cravo, a ordem de Cavalaria mais importante da Escócia.
Catherine escolheu para o efeito um Casaco-vestido amarelo de  Emilia Wickstead, especialmente feito para ela e repetiu o chapéu Whiteley em cor cappuccino, e usou ainda,  em honra do título que detém na Escócia (Condessa de Strathearn ), uma encharpe com o Tartan de Strathearn.
Falta qualquer coisa, certo?? Já para não falar que o corte do casaco é horrível. 
O pior do ano para mim...


E para vocês? Qual o melhor look 2012 da Duquesa de Cambridge?

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

FELIZ NATAL!!!

Eu sou uma fiel e eterna apaixonada pelos postais de Natal e pelos correios convencionais.
Escrever um postal, de preferência feito por nós, colocá-lo num envelope, escrever uma morada real e não virtual, e colocar um selo, tem uma magia e personalidade que não se consegue reproduzir por email, mensagem de texto, ou até por um telefonema.
Acho que tem a ver com a questão do toque. O facto de recebermos algo nas nossas mãos, que esteve realmente nas mãos da pessoa que nos dá. Isso não tem preço...
Várias casas reais por esta altura pensam exactamente como eu (ou mais ou menos) e criam postais de Natal, alguns deles bastante personalizados, desejando votos de um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo, a todos os seus súbditos.
Eu infelizmente, não sou súbdita de ninguém, mas incluo-me no role das pessoas a quem estes postais são dirigidos. Acho que é perfeitamente compreensível.
Deixo-vos com os Postais de Natal 2012 divulgados por algumas Casas Reais.

Bélgica
Príncipes Philippe e Mathilde da Bélgica com os seus filhos


Espanha

Postal de Natal dos Reis de Espanha - Frente

Postal de Natal dos Reis de Espanha - Verso

Postal de Natal dos Príncipes das Astúrias - Frente

Postal de Natal dos Príncipes das Astúrias - Verso


Postal de Natal da Infanta Elena de Espanha


Postal de Natal da Infanta Cristina de Espanha e Inaki Urdagarin


Grécia
Postal de Natal da Família Real Grega

Reino Unido


Postal de Natal do Príncipe de Gales e da Duquesa da Cornualha

Holanda
Príncipes Willem Alexander e Maxima da Holanda com as filhas Catherina-Amalia, Alexia e Ariane


Suécia
Princesa Estelle da Suécia


Postal de Natal dos Príncipes Victória, Daniel e "Boneca" Estelle da Suécia


Post sujeito a updates

Fontes: www.casareal.es; www.kungahuset.se

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

E já são três....

2013 promete.
Depois do filho mais velho da Princesa Caroline de Hannover, Andrea Casiraghi anunciar o casamento com a  sua namorada de longa data Tatiana Santo-Domingo, tendo já inclusive o primeiro filho a caminho, e depois de no passado mês de Outubro a Princesa Madeleine da Suécia também anunciar o noivado com o seu namorado Christopher O’Neill, com casamento previsto para o Verão de 2013, chega do Luxemburgo mais um anúncio de noivado.
O príncipe Félix de 28 anos, segundo filho dos Grão-Duques do Luxemburgo, irá casar no próximo ano com a alemã Claire Lademacher. Claire Margareta Lademacher de 27 anos cresceu perto de Frankfurt na Alemanha e é filha do milionário Hartmut Lademacher, um magnata das Tecnologias de Informação. Claire formou-se na Universidade Americana de Paris em Comunicação Internacional. Decide depois prosseguir os seus estudos em Bioética na Universidade Regina Apostolorum, em Roma no ano de 2011. Além do seu percurso académico, coopera em questões de Bioética e Direitos Humanos na UNESCO desde 2009, em especial nas áreas de pesquisa, coordenação, bem como na comunicação da organização.
Actualmente, Claire está preparando seu doutoramento na capital italiana sobre os aspectos éticos de consentimento à doação de órgãos. Como parte de sua pesquisa, Claire passou o mês passado no Instituto Kennedy de Bioética na Universidade de Georgetown, em Washington, D.C., como investigadora convidada.
É uma mulher das Ciências e dos Direitos humanos! Já gosto dela.

O anúncio oficial pode ser visto na página web do Grão-Ducado aqui. Não se conhecendo até agora mais detalhes nem fotografias oficiais do noivado.
Foram no entanto divulgadas fotografias privadas do jovem casal.


Félix e Claire
© Cour grand-ducale / Collection Privée / tous droits réservés

Félix e Claire
© Cour grand-ducale / Collection Privée / tous droits réservés

Félix e Claire
© Cour grand-ducale / Collection Privée / tous droits réservés

Confesso que esta família real é das mais discretas que há, e à semelhança do que aconteceu com o anúncio do casamento do Príncipe Guillaume com a Condessa Stephanie de Lannoy, que casaram em Outubro passado, também este anúncio me apanhou de surpresa.
Felicidades aos noivos!!!!
E temos mais um casamento no Luxemburgo para comentar!!!! Yeah!!



Fontes:www.monarchie.lu

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Prémios Nobel 2012

"It 's the most wonderful time of the year..."
É verdade, e não é apenas por ser Natal. É por hoje ter sido dia da Cerimónia de Entrega dos Prémios Nobel.  Os prémios são entregues anualmente, no dia 10 de Dezembro, aniversário da morte do seu criador, Alfred Nobel,  às pessoas que fizeram pesquisas importantes, criaram técnicas pioneiras ou deram contribuições destacadas à sociedade.
Além de tudo isto significa, pelo menos na Suécia um verdadeiro show of de jóias da Coroa, já que a Família Real está presente, e as meninas da Casa são conhecidas por neste dia ofuscarem os próprios laureados.


 Cerimónia da Entrega do Prémio Nobel da Paz -  Oslo, Noruega.

O único prémio Nobel (e talvez o mais importante de todos) que é entregue fora da Suécia, foi este ano para a União Europeia. A família real norueguesa fez-se representar como é hábito pelos Reis Harald e Sonja e pelos Príncipes da Coroa Haakon e Mette-Marit.

Da esquerda para a direita: Rei Harald , Rainha Sonja, Princesa Mette-Marit e Príncipe Haakon da Noruega

Numa cerimónia na qual estiveram presentes todos os chefes de Governo da União Europeia.


Vista da sala da Cerimónia

Antes disso, a Princesa Mette Marit tinha comparecido com a filha mais velha, a Princesa Ingrid Alexandra ao Festival Save the Children's Peace Prize. Já não via Ingrid há algum tempo, e que bela menina que ela está.

Princesas Mette-Marit e Ingrid Alexandra da Noruega


Cerimónia de Entrega de Prémios Nobel -  Estocolmo, Suécia.

Que comece o brilho...

Família Real Sueca
Primeira fila da esquerda para a direita: Rainha Silvia, Rei Carl Gustav e Princesa Vitória
Segunda fila da esquerda para a direita: Princesa Madeleine, Príncipe Carl Philip e Príncipe Daniel

A Família Real sueca já não presidia com todos os seus membros aos Prémios Nobel desde 2009. Este ano, a Princesa Madeleine compareceu naqueles que serão os seus últimos Prémios Nobel, como moça solteira. 
A expectativa era grande em relação aos vestidos e principalmente ás jóias escolhidas pela Rainha Sílvia  e pelas Princesas.
Sílvia costuma usar os maiores trunfos dos cofres Bernadotte na altura de presidir a este importante evento de gala. A escolha de tiaras tem sido variada.
Este ano, a rainha escolheu um modelo azul-cinza com cauda bordado a motivos florais. Quanto às jóias, a escolha recaiu em diamantes e safiras - The Leuchtenberg Sapphire Parure.

Rainha Sílvia da Suécia

Rainha Sílvia da Suécia

Vitória, naquele que é o primeiro evento Nobel que comparece enquanto mãe (lembre-se que na edição anterior, a Princesa encontrava-se no 7º mês de gestação), escolheu um modelo verde, bordado a lantejoulas, da colecção 2012 Elie Saab. Quanto às jóias, em edições anteriores as escolhas da Princesa não revelaram grande surpresa. Este ano, Vitória usou mais uma vez a Four Button Tiara, da qual eu não gosto nada, mas tem pontos extra pelo penteado que estava muito bonito (menos a rica ao meio). A surpresa residiu no colar. A Princesa usou pela primeira vez o Colar de Esmeraldas Bernadotte de um conjunto do qual também fazem parte dois broches. E parece que a Princesa usou os dois, um dos quais no cabelo.

Princesa da Coroa Vitória da Suécia

Princesa da Coroa Vitória da Suécia

Finalmente a Princesa Madeleine da Suécia, que geralmente não varia muito na escolha de jóias nesta cerimónia.
Se na escolha do vestido, Madeleine optou por repetir o vestido que usou no Concerto na véspera do casamento da irmã em 2010, o que não repetiu foi a tiara, e usou pela primeira vez a Tiara de Ametistas da Rainha Josephine, que faz parte de um conjunto no qual também se incluem um par de brincos pedentes, duas braceletes convertíveis em colar, dois broches e alguns ornamentos. Confesso que apesar de não ser fã do vestido, Madeleine usou esta tiara como ninguém até agora...

Princesa Madeleine da Suécia

Princesa Madeleine da Suécia

Já agora os galardoados deste ano foram:

Prémio Nobel de Física 2012: Serge Haroche e David J. Wineland devido a "inovadores métodos experimentais que permitem a medição e manipulação de sistemas quânticos individuais".

Prémio Nobel de Medicina 2012:  Shinya Yamanaka e John B. Gurdon. Pela descoberta, em trabalhos separados por 44 anos de distância que "células adultas podem ser "reprogramadas" para se tornarem imaturas e pluripotentes, ou seja, capazes de se especializar em qualquer órgão ou tecido corporal – como nervos, músculos, ossos e pele".

Prémio Nobel da Química 2012:  Robert J. Lefkowitz e Brian K. Kobilka. O prémio é um "reconhecimento a os seus estudos sobre receptores acoplados à proteína G (GPCRs, na sigla em inglês) - uma família de receptores situados nas membranas celulares que se ligam a moléculas no exterior e enviam "sinais" para dentro, possibilitando que a célula responda de maneira específica. As proteínas G são uma classe envolvida nesse tipo de processo dentro das células".

Prémio Nobel da Literatura 2012: Mo Yan devido ao "realismo alucinatório que consegue mesclar contos populares, a história e o contemporâneo".

Prémio Nobel das Ciências Económicas 2012: Lloyd S. Shapley e Alvin E. Roth, "pelos contributos que deram para a teoria de alocações estáveis e modelo de mercado".


Parabéns aos vencedores.
É sempre um prazer ver esta cerimónia.