sábado, 22 de setembro de 2012

Estilo aka Mary da Dinamarca

Eu sei, eu sei, não sou nada tendenciosa (ironia). Toda a gente sabe que Mary é a minha princesa favorita (até o meu namorado, já sabe que adoro os "fofinhos" da Dinamarca) e claro que iria me desdobrar em elogios a Mary, na sua visita ao Brasil, de 16 a 21 de Setembro.
Mas com este post apenas quero provar um ponto de vista e esse ponto é variedade.
Olhamos as escolhas da futura rainha da Dinamarca nesta visita oficial a terras de Vera-Cruz.

Dia 1
O casal real compareceu à exposição de Asger Jorn  no Instituto Tomie Ohtake, São Paulo
Visita à Igreja Escandinava, São Paulo.


O mesmo vestido (Prada, Primavera-Verão 2012), na visita à Igreja com um casaco de crochet branco Miu-Miu, brincos com pedra em verde-água e bracelete de ouro da designer dinamarquesa Marianne Dulong, clutch Naledi e sapatos em nude Prada. Na exposição Mary usou uns brincos dourados com pendentes diferentes também de Marianne Dulong, e clutch Judith Leiber.

Dia 2
Visita à Cidinha Kopcak, centro de reabilitação para mulheres vítimas de violência doméstica, São Paulo.


Mary usou um lindíssimo vestido estampado Alberta Ferretti em tons púrpura, combinou com uns brincos Marianne Dulong, mala de mão Carlend Copenhagen, e sandálias Christian Louboutin


Recepção para empresas dinamarquesas e brasileiras, São Paulo


Mais uma vez Mary optou por um modelo de Alberta Ferretti desta vez em tons de bronze, bracelete do designer dinamarquês Jewlscph, e umas fantásticas sandálias Gianvito Rossi, que vocês TÊM  quer ver melhor aqui. Infelizmente não consegui identificar nem a mala nem os brincos . =(


Dia 3
Visita ao Hospital Albert Einstein Hospital, Fundação Dorina Novill para invisuais e Museu Brasileiro da escultura para uma exibição de Cadeiras do designer Fritz Hansen, São Paulo


Neste dia Mary optou por um look leve e muito fresco. Blusa da marca dinamarquesa Signe Bøgelund-Jensen, saia em bordado inglês da Cos (uma espécie de H&M mais cara), brincos Marianne Dulong, pulseira provavelmente da Monies,  sapatos cinzentos Gianvito Rossi e mala de mão Marc Jacobs.


Recepção oferecida pela Indústria Dinamarquesa em conecção com a Feira do Petróleo&Gás,  Rio de Janeiro

Poucas informações sobre este look. Mary usou um vestido estampado em tons de cinza , de design desconhecido. Penso que os peep-toes pretos são Prada e os brincos são da marca dinamarquesa Jewlscph.


Dia 4
Visita ao Centro de Referência da Juventude, na Cidade de Deus, Rio de Janeiro
Inauguração da exposição "A modern Royal Household ", sobre a restauração e decoração da Mansão Frederik VIII’s, onde o casal real vive.


Mary usou um vestido já anteriormente visto de Signe Bøgelund-Jensen, brincos e bracelete Marianne Dulong e sandálias Christian Louboutin, também um dos pares favoritos da princesa.

Jantar com representantes de empresas dinamarquesas e brasileiras, Rio de Janeiro.


Mary usou um vestido fluido cinza claro de uma das suas marcas favoritas, Julie Fagerhold para a Heartmade, já usado anteriormente. Completou o look com um cinto Chanel, brincos Marianne Dulong e sapatos cinza Gianvito Rossi.


Dia 5

Visita ao Instituto Fernandes Figueira para acompanhar o projecto Banco de Leite, que ajuda no aleitamento de recém-nascidos, cujas mães não os podem amamentar, Rio de Janeiro.
Reunião com o Comité Olímpico Brasileiro, Rio de Janeiro.



 Mary usou um jumpsiut da marca dinamarquesa Style Butler, brincos e anel Marianne Dulong e as suas sandálias Christian Louboutin.

Recepção oferecida pela Governador de Minas Gerais, Minas Gerais.


Desta feita Mary usou um vestido estampado azul e branco assimétrico do criador dinamarquês Jesper Høvring, completou com clutch Marc Jacobs, sapatos cinza Gianvito Rossi e brincos Ole Lynggaard.


Dia 6
Seminário sobre Água e inauguração do Museu P. W. Lund, Minas Gerais




No seu último dia de visita ao Brasil, Mary usou um vestido já visto anteriormente, desta vez da marca Hugo Boss.  Cores fortes e saia evasé, e cintura demarcada por um cinto amarelo. Mary usou ainda a sua clutch Carlend Copenhagen, e parece estar a usar um dos seus pares de brincos favoritos, de assinatura Marianne Dulong.



Ora o que concluímos? Variedade meus caros, Variedade!! Mary tendo apostado quase sempre nos mesmos nomes, no que toca a acessórios, nomeadamente sapatos e joalharia, apresentou aqui uma variedade enorme de estilos, tecidos e....PENTEADOS!! Reciclou alguns modelos e apostou fortemente nas marcas dinamarquesas. Esteve sempre impecável e a sua presença foi muito acarinhada pelo povo brasileiro, principalmente quando visitou a Cidade de Deus.
É por isso que adoro Mary! Consegue sempre surpreender (mesmo que para alguns o jumpsuit que usou ter sido horror, eu pessoalmente gostei!!) com diferentes estilos e ficar sempre bem! Uma lição a reter para as novas gerações de princesas e duquesas...

E ainda houve tempo para um passeio no famoso Calçadão...


Bom fim-de-semana!

Fontes: news.com, RoyalOutfitsofCrownPrincessMary, PrincessesFashionWatchers, StyleofMary, kongehuset.dk

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Catherine vai ao Este Asiático - Parte 2

A Visita dos Duques de Cambridge ao Sudeste Asiático acabou, e o T&T recomeça onde parámos a análise dos looks que Catherine, Duquesa de Cambridge apresentou neste tour.


Dia 5
Visita à Floresta Tropical e centro de pesquisa Danum Valley na Malásia


Descrição: Um look bastante informal, apropriado à exploração e às actividades ao ar livre. Apenas se sabe que a blusa é uma peça da marca espanhola Zara da colecção de 2010. A duquesa usou umas calças kaki e umas botas de campo (muito amigas dos meus amigos biólogos).

Opinião da L.: Gosto sempre de ver Kate com visuais desportivos e menos formais. Adorei as peças, e achei muito fofa a combinação de cores entre o casal. William já agora também esteve muito bem (que é como quem diz bastaaante atraente).


Dia 6
Chegada às Ilhas Salomão


Descrição: A duquesa usou um vestido de mangas curtas com padrão verde de Johnathan Saunders, com laço á frente e decote V nas costas. Completou o visual com um chapéu bege (yeah!!) com detalhes em verde, da autoria de Jane Taylor, sapatos pérola Sledge LK Bennett, e brincos de ametista verde e diamantes de Kiki McDonough. A clutch é a mesma que usou no primeiro dia em Singapura e pensa-se que é da autoria de Jimmy Choo

Opinião da L.: Super gira!! Finalmente vemos um chapéu em Kate neste tour. Estava jovem, coquette e muito elegante. De se lhe tirar o chapéu!!!


Recepção dada pelo Governador General Frank Kabui 


Descrição: Mudança de planos de última hora. A duquesa tinha planeado usar um dos modelos que trouxe de Londres, quando eis que tanto ela como William recebem de oferta peças com padrões batik típicos do povo das Ilhas Salomão. O casal não pensou duas vezes, e fez uso imediato dos presentes. A duquesa usou um vestido sem mangas em tons vibrantes, fresco e veraneio, pintado à mão com motivos típicos que incluiam flores, peixes e uvas. A duquesa completou o look com a sua bracelete de ouro Catherine Zoraida, e sandálias Stuart Weitzman . Os brincos com pedras de coral são Serretta.

Opinião da L.: Ora bem, claro que gostei. Adorei a iniciativa que eles tiveram ao usar imediatamente as prendas. E a cor fica muito bem a Kate, o cabelo ligeiramente ondulado e o seu tom bronzeado de pele, fez este vestido sobressair. Todo o visual gritava ilhas tropicais. Mas.....aquelas sandálias. Um grande nhaa, para elas.


Dia 7
Visita a uma Aldeia típica nas Ilhas Salomão



Descrição: A Duquesa usou desta vez um vestido amarelo com pregas, botões frontais e manga curta da marca britânica Jaeger. Completou o visual com sapatos nude Sledge da LK Bennett e brincos de citrina com design Kiki McDonough.

Opinião da L.: Ora agora sim, parece que a duquesa resolveu deixar os tons pastel por casa e atrever-se com um amarelo. Pessoalmente acho que a cor lhe ficava muito bem, o modelo tem um corte que já nos acostumamos a ver em Catherine, mas desta vez com COR. Se podia implicar com o cabelo? Podia, mas com aquela coroa de flores e o cabelo ondulado, Catherine parece mesmo uma Princesa dos trópicos, por isso deixo passar....por agora.

Visita à Ilha Marau, conhecida como Ilha Paraíso



Descrição: A duquesa apostou na marca Mulberry com este vestido azul-escuro sem mangas, e todo em bordado inglês. Completou o visual com o cinto para destacar a cintura, os seus famosos sapatos Stuart Weitzman Corkswoon Wedges e os brincos de citrina usados anteriormente da autoria de Kiki McDonough.

Opinião da L.: Pois desta vez não deixo passar (porque não há coroa de flores na cabeça)...O visual é todo impecável, mas a duquesa passa por vezes a ideia de desleixo com o seu cabelo. De certo que não o é, até porque uma cabeleireira particular a acompanha nesta viagem, mas com tanta humidade no ar, já era previsto que nem o cabelo de uma duquesa se mantivesse perfeito. Era previsto, mas tal poderia ser minimizado com alguns penteados, que além de ajudarem a duquesa a suportar o calor, lhe dariam um ar mais composto. E essa é a grande falha da duquesa em muitas ocasiões neste tour: a maneira como insiste em usar o cabelo solto, mesmo quando tal é completamente inconveniente.


Dia 8
Partida das Ilhas Salomão, chegada a Tuvalu.


Descrição: Pela primeira vez, não temos identificação do vestido. A peça amarela toda em bordado inglês, é, segundo o Palácio, da autoria de um designer desconhecido. A duquesa por vezes usa peças de designers que preferem manter-se no anonimato, ou então pode também ter comprado o vestido numa feira de peças em segunda mão. A imaginação é o limite. Como o calor aperta, Catherine teve à mão o belo do abanico. Usou as suas sandálias de cunha Stuart Weitzman e brincos de citrina da autoria de Kiki McDonough.

Opinião da L.: De estilista desconhecido ou não, pronto a estrear ou em segunda mão, adorei este vestido amarelo, leve e solto, com um toque retro. Finalmente o cabeleireiro da duquesa deve ter ouvido as nossas preces e Kate apresentou-se com um apanhado simples. ALELUIA!! Eu já disse que não morro de amores por aquelas sandálias. Mas vá....rendo-me ao penteado e à coroa de flores na cabeça da menina...Tão gira!

Jantar oferecido pelo Governador-Geral de Tuvalu


Descrição: Bem, a duquesa usou muitas coisas nesta noite. Resumindo a coisa o vestido é uma criação de Alice Temperley, e caracteriza-se pelos bordados em estilo hippy-chic. A duquesa completou o visual com os brincos de ouro Double Leave de Catherine Zoraida .

Opinião da L.: Palavras para quê? Foi o momento e o look do tour. =)


Retorno ao Reino Unido
Breve paragem da Austrália



Descrição: Após abandonar as ilhas menores do Pacífico, os Duques de Cambridge fizeram uma pequena paragem na Austrália para apanharem o voo (comercial, sim) para o Reino Unido. À chegada Catherine usou mais um vestido floral desta feita da marca Project D London e os seus sapatos nude Sledge LK Bennett. Depois de duas horas de espera, a duquesa trocou para uma roupa mais confortável: jeans azuis escuros e sweater branca com uma encharpe Temperley e mala Longchamp.

Opinião da L.: O primeiro vestido é muito lindo de facto, mas vestidos desses leves e soltos num terminal de aeroporto nem sempre corre bem e Catherine teve essa experiência o ano passado no Canadá. Este ano a situação repetiu-se. Nãos se sabe se foi por isso que a duquesa mudou de roupa. Eu fico-me pela hipótese da segunda roupa ser muito mais confortável para um voo de mais de 12 horas. Tempo para arranjar o cabelo também não houve, mas imagino que seja a última preocupação da duquesa neste momento. O cansaço deve ser muito.


Conclusões: O tour acabou (ohhhh),e entre processos judiciais e danças tradicionais, tudo aconteceu a William e Catherine. No que toca a moda, o que disse em Catherine vai ao Este Asiático - Parte 1 mantém-se: a Duquesa seguiu sempre apropriada, não tendo deslumbrado por ai além. As escolhas mantiverem-se sempre fiéis ao seu estilo, com forte aposta em padrões florais e tecidos leves, com saias pregueadas e cintura demarcada, alguns pormenores de renda e bordados tradicionais tanto ingleses como alusivos ao este asiático e ilhas do pacífico, com um certo toque vintage. O penteado foi a grande batalha, e infelizmente ainda não foi desta que fiquei completamente satisfeita com a duquesa.
Vou pensar no meu look favorito e depois digo-vos alguma coisa, mas acho que a escolha irá recair ou sobre o conjunto RAOUL no dia 2, ou o vestido azul-gelo da Temperley do dia 4 ou o vestido amarelo de autor desconhecido no dia 8.


E vocês? Que look da Duquesa gostaram mais neste tour?

Até lá...



Fontes: Daily Mail, WhatKateWore, HRHDuchessKate, Katemiddletonstyleblog, My small obsessions, Dress like a Lady PA images, Getty Images, HelloMagazine

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Obrigada/ Thank you

Quero aqui deixar a minha mensagem de gratidão pelas 2035 visualizações que recebi neste blog, desde o seu inicio em Maio.
Para alguns poderá não ser um número assim tão grande, mas nunca pensei que em 4-5 meses atingisse tantas pessoas.
Como prenda, posso pedir algo? Eu sei que isto não é uma obrigação, mas para nós que escrevemos, é bom ver os números, mas também é delicioso ler as palavras. Muitos de vós são brasileiros que eu bem sei, ;), portanto a língua não é um problema. Comentem, dêem a vossa opinião e sugestões. 
Façam de mim uma princesa mais feliz com os vossos comentários!!
O que escrevo pode ser acerca do que sinto e penso, mas escrevo para vós!

Now in english:
I want to leave here my gratitude for the amazing 2035 views in this blog since its beginning in May.
For some it may not be that big thing, but I never thought that in 4-5 months to reach many people.
As a gift, can I ask you something? I know this is not a must, but for us who write, it is good to see the numbers, but it is also delicious read the words. So please, comment, give your opinion and suggestions.
Make me a happier princess with your comments!
What  I write is about what I feel and think about royals, but I write for you!





E já sabem, podem procurar por mim no Grupo Tesouras&Tiaras no Facebook
You can find me also in Tesouras&Tiaras group on Facebook.

Kiss
L.

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Catherine vai ao Este Asiático- Parte 1

Sim, vamos falar de roupas!!!!! E sim das roupas da Duquesa de Cambridge.
Os Duques de Cambridge encontram-se neste momento num Tour pela Ásia (Singapura, Malásia e Ilhas Salomão), em representação da Rainha Elizabeth II, por ocasião das celebrações do Jubileu de Diamante.
Uma visita de 8 dias, com uma diferença horária vertiginosa para as pessoas que gostam de cobrir estes eventos e estar a par e passo. Rodeada de rumores de gravidez, todas as atenções recaiem sobre as escolhas de Catherine em cada aparição. A duquesa tem dado preferência a alguns dos seus criadores habituais, e tem homenageado outros oriundos das terras que visita, bem como apostado em pequenos pormenores que de certo modo apelam aos costumes e tradições locais. 
Vamos fazer um sumário então por dias.

Dia 1
Visita aos Jardins Botânicos
Após chegada a Singapura os William e Catherine visitaram os Jardins Botânicos de Singapura.


Descrição: Catherine usou uma  criação de Jenny Packham na sua chegada a Singapura. O modelo em seda rosa pálido em estilo quimono tinha orquídeas pintadas à mão, numa directa alusão à flor de Singapura, e completamente apropriado, dado que o casal iria baptizar uma Orquídea nestes Jardins. A duquesa conjugou o look com uns sapatos Sledge LK Bennett pérola (sim, sapatinhos brancos), clutch bege (muito se especula se não será esta, mas em cor diferente) e brincos de pérola. O cabelo estava semi apanhado

Opinião da L.: Não haja dúvida que Kate quis combinar roupa com o ambiente que a rodeava, e conseguiu-o. Não me conseguiu cativar, no entanto. Achei que o modelo a envelhecia bastante. E aqueles chumaços dos ombros....Nhaaaa

Jantar de Estado
Os Duques de Cambridge foram recebidos pelo Presidente de Singapura, Tony Tan Keng Yam, na sua residência oficial.


Descrição: Kate decidiu usar para o evento um vestido do criador local Prabal Gurung. Uma criação em seda da colecção Primavera/Verão 2012. Completou o look com a sua clutch personalizada de Anya Hindmarch e os seus sapatos de cetim pretos Prada, ambos repetições.

Opinião da L.: Finalmente vejo a Duquesa de roxo de novo!! Gostei imenso do vestido, embora os seus padrões me façam lembrar aqueles cartões que os psicólogos mostram às pessoas seguidos da pergunta: "Diga-me o que vê?". Pois eu vejo um visual bastante jovial e apropriado para a idade de Kate. Talvez esperasse algo mais formal para um jantar de Estado, mas o vestido é roxo (mais uma vez: ROXO!!)  e por isso tem o meu aval.

Dia 2
Um dia bastante preenchido com direito a três, sim três mudanças de roupa (não contamos com o pijama..).

Visita ao complexo Gardens by the Bay


Descrição: McQueen, claro está! A Duquesa voltou a escolher uma criação de Sarah Burton para a casa Alexander McQueen em mais uma aparição pública. Pensa-se tratar-se de uma peça especialmente feita para a duquesa. Composta por saia e blusa em bordado inglês, leve e fresco, apropriado ao clima húmido e quente de Singapura. A duquesa completou a indumentária com um cinto, e usou os seus muito vistos sapatos de cunha Stuart Weitzman Corkswoon Wedges (que vimos durante tooooooooda a edição dos Jogos Olímpicos de Verão) e uma clutch também Stuart Weitzman. Usou ainda os brincos de safira e diamantes que outrora pertenceram à princesa Diana de Gales.

Opinião de L.: Este visual tinha tudo para dar certo se: 1) os sapatos fossem outros (pessoalmente detesto sapatos de cunha, especialmente com um conjunto como este, e particularmente porque estou farta de ver a duquesa com estes sapatos) e 2) se Kate tivesse apanhado o cabelo num simples rabo-de-cavalo, que deixasse ver o fantástico decote levantado desta blusa (além de favorecer o visual, de certo que o cabelo com tamanha humidade no ar, também agradecia). 

Visita a Queenstown



Descrição: De McQueen para RAOUL. A duquesa escolheu duas peças da marca asiática. Combinou uma saia de seda com pregas com um top de igual padrão. Completou com um cinto, sapatos Sledge LK Bennett em nude e brincos de pérola ( erro na imagem. Foram os mesmos que usou na visita aos Jardins Botânicos no primeiro dia).

Opinião da L.: Ao contrário do look anterior, estão aqui uns sapatos que não me canso de ver. Adorei este conjunto da cabeça aos pés. E aqui nem o cabelo me incomodou (apesar de que um rabo-de-cavalo também não faria mal algum aqui....).


Recepção do Eden Hall, Residência do Alto Comissariado Britânico em Singapura



Descrição: Mais uma vez saia com pregas, cintura marcada, tecidos leves e padrões florais. Desta feita, a duquesa elegeu um designer da casa inglesa Erdem. Um vestido de chiffon, com decote nas costas numa versão modificada da peça da colecção Primavera/Verão 2012. A completar o look, sapatos Harper LK Bennett em tom cinza, e clutch de cetim Alexander Mcqueen.

Opinião da L.: Adoro este vestido.....na sua versão original, ou seja sem mangas. Mais uma vez, a duquesa só teria a ganhar se tivesse usado o cabelo preso. Há coisas que não entendo....

Dia 3
Último dia em Singapura, e partida para a Malásia.

Visita ao Cemitério  Kranji War
Neste cemitério estão enterrados 4461 pessoas pertecentes à Commonwealth , que perderam as suas vidas na II Grande Guerra Mundial, na sua maioria soldados.


Descrição: A duquesa voltou ás criações nacionais de Jenny Packham, neste vestido duck-egg-blue, ou seja azul ovo de pato (?). Mais um modelo bastante semelhante, com saia pregueada, cintura definida, e com  leves bordados em renda branca na parte de cima. A duquesa completou o look com os habituais sapatos Sledge LK Bennett em nude.

Opinião da L.: Mais do mesmo não é? Muitos acham que é um vestido de avózinha. Eu como até gosto muito de avós, e sou toda a favor do vintage, até não desgosto do vestido, nem da cor (vou passar a olhar para os ovos de pato com outra atenção). Mas muito sinceramente, acho que não lhe fica bem. Talvez pelo cabelo solto? Pois, talvez...;)

Jantar oferecido pelo Rei The Agong da Malásia em Kuala Lumpur.
Mais um jantar de gala....sem tiara.


Descrição: A duquesa usou o seu amuleto da sorte para estas ocasiões e escolheu uma criação de Sarah Burton para a casa Alexander McQueen. O vestido feito exclusivamente para ela era creme e coberto por um tecido mais leve com pormenores dourados, nos quais se incluíam as flores típicas da Malásia bordadas a ouro. O vestido tinha decote em coração e penso que as mangas e o tecido mais exterior com os detalhes dourados poderão ser retirados, deixando apenas um simples vestido cai-cai branco. A duquesa usou brincos e pulseira da designer Catherine Zoraida, clutch dourada Wilbur & Gussie e sandálias Dart Jimmy Choo.

Opinião da L.: Sim, parece que estou a remar contra a maré. Contrariamente à opinião geral,  não gostei. Apropriado sim, dada a cultura (apesar de muito ter sido dito acerca do decote de Catherine num país islâmico). Até acho que lhe fica bem, ela é morena e a combinação de dourado e creme fica sempre bem, mas acho que há maneiras de se respeitar e homenagear a cultura anfitriã, sem parecer que estamos a vestir um cortinado...Nem parece McQueen :(
Espero ansiosamente pelo simples vestido branco que acredito estar escondido debaixo daquela capa...
Adorei a pulseira. :)

P.S.: Eu sei que são os anfitriões a decidir o código do vestuário, mas William em fato azul, enquanto que Kate, apenas lhe falta a tiara para subir ao Olimpo numa nuvem de pó dourado, parece-me um tanto.... desequilibrado??? 

Dia 4
Visita à Mesquita As-syakirin, em Kuala Lumpur.


Descrição: Para a sua primeira visita (pelo menos oficial) a uma Mesquita, e no dia e que foram publicadas, numa revista francesa,  fotografias da Duquesa em topless tiradas durante as férias em França, antes deste tour, Catherine usou uma criação de Beulah London. Este vestido em azul pálido pelo joelho, tem longas mangas, botões frontais e não é muito diferente dos modelos anteriormente usados nesta Visita. Para completar o look, a duquesa usou sapatos e clutch LK Bennett, já vistos em várias ocasiões.
E...SURPRESA: Cabelo finalmente apanhado num elegante penteado, que ficou escondido durante a visita ao interior da Mesquita, já que segundo os costumes, a Duquesa teve que cobrir os cabelos com um véu (que me parece da mesma cor e tecido do vestido) e descalçar-se.

Opinião da L.: Pontos positivos, quanto mais não seja pelo cabelo e por solidariedade em relação à tristeza e frustração que a publicação das fotografias de índole tão privada, deve ter causado na Duquesa, bem como em William. Em relação ao vestido, não sendo brilhante é apropriado à ocasião e a cor é bastante pacifica, o que também serve a ocasião e o local. 

Tea party (ou hora do chá) oferecida pelo Alto Comissariado Britânico em Kuala Lumpur


Descrição: A duquesa usou um vestido azul gelo,com aplicação de renda branca com motivos florais da criadora britânica Alice Temperly. O vestido é uma versão modificada da peça Aster da colecção Outono/Inverno 2012 da criadora. O penteado que a duquesa já tinha, foi adornado com pequenas pérolas, costume muito comum entre as mulheres da Malásia, principalmente no dia dos seus casamentos. Sapatos e clutch LK Bennett, os mesmos da visita à Mesquita durante a manhã.

Opinião da L.: AMEI!!!! Retirava as pérolas do cabelo. Juntamente como conjunto RAOUL, o meu look favorito até agora neste tour.



Conclusão: Até agora, a meu ver, a Duquesa não deslumbrou. Segue sempre apropriada à ocasião e locais, bem como aos costumes ( não é por acaso que todos os vestidos da duquesa têm mangas), sem no entanto apresentar nada de novo. Todos os modelos acabam por ser bastante semelhantes o que torna esta visita até agora um tanto ou quanto aborrecida.


Aguardemos Catherine vai ao Este Asiático - Parte 2.



Fontes: Daily Mail, Reuters, WhatKateWore, DuchessKate, PA Images, My small obsessions-FB, Splash News

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Continuidade

Olá
Como já exprimi anteriormente estou seriamente preocupada com a continuidade da monarquia espanhola.
E nem sei se a esperança reside na subida de Filipe ao Trono. Há danos demasiado grandes e a grande divergência de opiniões que Letizia reune, mesmo em Espanha, não tranquiliza o meu espírito sedento de harmonia e contos de fadas. A realidade económica é muitas vezes mais forte que todo o meu lado optimista e esperançoso.
A Casa Real Espanhola, tem feito de tudo para limpar a sua imagem, se bem que, por um passo acertado tomado,  vem o Rei Juan Carlos e faz dois ou três disparates.
A mais recente atitude, foi fazer um refresh à página web da Casa Real Espanhola.
Foram divulgadas fotografias, tiradas em Julho passado na Zarzuela, de três gerações Bourbon! 
Juan Carlos, Filipe e Leonor aparecem sorridentes a bem dispostos a deixar no ar a insustentável leveza do peso de um legado. "Três gerações com um compromisso comum", resume as fotografias.



Palavras do Rei:


"O lançamento do novo site da minha casa dá-me a oportunidade de enviar saudações a todos aqueles que nos seguem através da internet.

Este novo projeto é parte do esforço que foi feito para melhorar a comunicação com toda a Coroa espanhola, com base na transparência, rigor e inovação.

O site é tecnicamente mais poderoso e dinâmico, mais informativo, mais acessível, mais próximo e, claro, mais transparente. Queremos tornar-nos um líder no fornecimento desta Casa, para a qual todos os cidadãos podem recorrer para obter informações."


O que fica também no ar é a ideia de uma mudança na Constituição espanhola para garantir que Leonor possa um dia ser Rainha de Espanha, por direito.
Letizia, Princesa das Astúrias completa no próximo sábado, 40 anos de idade, e parece pouco provável que venha a ter mais filhos, quer por coincidência ou planeamento.
Eu voto na segunda opção.


Fontes: casa real.es

sábado, 8 de setembro de 2012

Back to (royal) work

As férias das nossas cabeças coroadas já acabaram e muitos deles já voltaram aos seus deveres oficiais em representação dos seus países. Eu pessoalmente prefiro sempre o Ciclo que vai de Setembro a Julho, do que o que começa em Janeiro e acaba em Dezembro.
Está rentrée a nível de realeza, inclui um casamento real (Luxemburgo, a 20 de Outubro) e algumas visitas além-fronteiras ainda este mês,  por parte de membros da família real britânica, ainda a propósito das Comemorações do Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II. Os Condes de Wessex, Edward e Sophie irão visitar o Canadá e os Duques de Cambridge, William e Catherine irão iniciar uma visita de 8 dias ao Pacífico Sul.
Entretanto, deixo-vos com algumas fotografias que marcam o retorno da realeza ao trabalho.

Depois dos Jogos Olímpicos, os Paraolímpicos tomaram conta de Londres, e mais uma vez apoio não faltou nas bancadas, e desta vez apesar de muitos membros de casas reais presentes nas semanas passadas não se encontrarem em Londres para este evento, podemos ver algumas caras novas e rever outras tantas.

Da esquerda para a direita: Duques de Cambridge, a pequena Lady Louise Windsor com a mãe a Condessa de Wessex
Príncipe Henry de Gales
Infanta Elena de Espanha com os filhos Victória Frederica de Borbón y de Marichalar e Felipe Juan Froilán  de Borbón y de Marichalar
Princesa Martha Louise da Noruega com um atleta paraolímpico norueguês
Príncipe Daniel da Suécia num momento fofinho com uma atleta medalhada sueca
Catherine, Duquesa de Cambridge e entregar a medalha de ouro a um atleta paraolímpico britânico
Príncipe Frederico da Dinamarca a cumprimentar uma atleta dinamarquesa

As Princesas herdeiras têm andado particularmente ocupadas.
Comecemos pela herdeira Vitória da Suécia e alguns dos eventos aos quais  marcou presença depois das férias.
Juntamente com o seu marido Daniel, e com os Reis da Suécia, foi anfitreã de uma recepção à delegação brasileira para prestar homenagem ao último jogo que opôs Suécia e Brasil a ser disputado no Estádio Råsunda.

Recepção à delegação brasileira

Depois disso abriu oficialmente a Semana da Moda Mercedes-Benz de Estocolmo.


E marcou presença com o marido, Daniel, nos Prémios Polar da Música.
Princesa Vitória e Príncipe Daniel da Suécia

Os papás também lá estiveram:
Rei Carl Gustav e Rainha Sílvia da Suécia

Uma das suas últimas aparições foi num Seminário de promoção de iniciativas de sustentabilidade do meio marinho.

Passando para Matte-Marit da Noruega, esta Princesa juntamente com a sua familia assistiu orgulhosamente á cerimónia de Confirmação do seu filho mais velho Marius Borg Hoiby (filho de uma relação anterior).

Príncipes Haakon e Mette-Marit da Noruega com os filhos, os Príncipes  Ingrid Alexandra e Sverre Magnus da Noruega

É visível a grande cumplicidade entre enteado e padrasto perante o olhar completamente rendido de M-M.
Marius, filho mais velho da Princesa Mette-Marit a cumprimentar o padrasto, o Príncipe Haakon

M-M substituiu a tiara pela capacete de construção civil e acompanhou as obras das futuras instalações de um centro de Reinserção social em Oslo.  Gira!!


Ainda durante esta semana M-M visitou uma loja de artigos em segunda-mão, e para nossa delicia, sim usou Prada!!!

Sandálias Prada

Mala de mão Prada

Máxima da Holanda!! É tão bom rever tão lindo sorriso. Welcome Back!
A Princesa Máxima foi oradora de um encontro cujo tema era "‘Digital Age for the Citizens Worldwide?’ 


E ainda com um estilo muito veraneio compareceu ao 60º aniversário da Escola Superior de Gestão de  Maastricht .


Mathilde da Bélgica também está de volta ao trabalho.
Marcou presença nas celebrações do 70º aniversário da Associação de Apoio a Diabéticos


Uns que também já não davam o ar da sua graça desde os Jogos Olímpicos, são mesmo os príncipes das Astúrias, Felipe e Letizia que marcaram presença na abertura do 4º Congresso Anual Iberoamericano.
E que bem que eles estão.

Mais uma foto, só para matar saudades.
Príncipes Felipe e Letizia de Espanha

Mary da Dinamarca também voltou em força.
Ela compareceu  à inauguração oficial do Campus Roskilde na Universidade Sjaellands, em Trekroner. Este novo Campus irá oferecer 5 programas educacionais como Enfermagem, Fisioterapia, Assistência Social e Ensino.

Depois visitou um jardim de infância em Brondby, inserido no programa anti-bullying suportado pela Fundação Mary.

O casal herdeiro da Dinamarca compareceu ainda ao Dia da Bandeira, onde é prestada homenagem a todos aqueles que tombaram ao serviço da sua Pátria. O casal depositou uma coroa de flores do Memorial.
Príncipes Frederik e Mary da Dinamarca

"Uma vez, um lugar, um ser humano", é o que diz a inscrição do memorial.


Setembro é também tempo de regresso à escola. Tal já aconteceu na Bélgica e Espanha, e o T&T tem as fotografias.
A Infanta Cristina de Espanha levou os filhos Miguel e Irene Urdangarin à escola em Barcelona, cidade para qual a família regressou.

A princesa Mathilde da Bélgica também levou três dos seus quatro filhos ao primeiro dia de escola.

Da esquerda para a direita: Princesa Elizabeth, Princesa Mathilde, Princesa Eleonor e Príncipe Gabriel
 
A sua cunhada a Princesa Astrid da Béligica também foi vista na mesma escola, a levar a sua filha mais nova, a Princesa Laetitia Maria


Para concluir, a Casa Real Britânica e o Ministério da Defesa Britânico confirmaram a volta do Príncipe Henry para a linha de combate do Afeganistão. O Capitão Wales, como é conhecido no meio militar, já tinha estado lá uma vez incógnito, mas uma vez tornada pública a sua localização, o príncipe foi retirado por haver sérias preocupações em relação à sua segurança e à segurança do pelotão, por a localização do 3º na linha de sucessão ao trono britânico ter sido divulgada. Henry sempre me manifestou descontente com esta atitude e fez questão de referir que nada o faria mais contente do que voltar e servir os seus irmãos de armas, a pátria e a Rainha.
Pois bem, desta vez sem segredos, Henry, o Capitão Gales, incorporou as tropas britânicas nas areias do Afeganistão.

Força Henry, e a todos os homens e mulheres que todos os dias arriscam as suas vidas para que pessoas como nós possam dormir descansadas. Políticas envolvidas à parte...

Bom fim-de-semana!!


Fontes: PPE/Nieboer,Eric Lalmand via Belga, Getty Images Europe via Zimbio, Scanpix via tv2.dk, Jens Wollesen/sn.dk,  Soren Bidstrup/Scanpix Denmark via sn.dk, kongehuset.no, daylife, ANP, Svenskdam