Catherine vai ao Este Asiático - Parte 2

A Visita dos Duques de Cambridge ao Sudeste Asiático acabou, e o T&T recomeça onde parámos a análise dos looks que Catherine, Duquesa de Cambridge apresentou neste tour.


Dia 5
Visita à Floresta Tropical e centro de pesquisa Danum Valley na Malásia


Descrição: Um look bastante informal, apropriado à exploração e às actividades ao ar livre. Apenas se sabe que a blusa é uma peça da marca espanhola Zara da colecção de 2010. A duquesa usou umas calças kaki e umas botas de campo (muito amigas dos meus amigos biólogos).

Opinião da L.: Gosto sempre de ver Kate com visuais desportivos e menos formais. Adorei as peças, e achei muito fofa a combinação de cores entre o casal. William já agora também esteve muito bem (que é como quem diz bastaaante atraente).


Dia 6
Chegada às Ilhas Salomão


Descrição: A duquesa usou um vestido de mangas curtas com padrão verde de Johnathan Saunders, com laço á frente e decote V nas costas. Completou o visual com um chapéu bege (yeah!!) com detalhes em verde, da autoria de Jane Taylor, sapatos pérola Sledge LK Bennett, e brincos de ametista verde e diamantes de Kiki McDonough. A clutch é a mesma que usou no primeiro dia em Singapura e pensa-se que é da autoria de Jimmy Choo

Opinião da L.: Super gira!! Finalmente vemos um chapéu em Kate neste tour. Estava jovem, coquette e muito elegante. De se lhe tirar o chapéu!!!


Recepção dada pelo Governador General Frank Kabui 


Descrição: Mudança de planos de última hora. A duquesa tinha planeado usar um dos modelos que trouxe de Londres, quando eis que tanto ela como William recebem de oferta peças com padrões batik típicos do povo das Ilhas Salomão. O casal não pensou duas vezes, e fez uso imediato dos presentes. A duquesa usou um vestido sem mangas em tons vibrantes, fresco e veraneio, pintado à mão com motivos típicos que incluiam flores, peixes e uvas. A duquesa completou o look com a sua bracelete de ouro Catherine Zoraida, e sandálias Stuart Weitzman . Os brincos com pedras de coral são Serretta.

Opinião da L.: Ora bem, claro que gostei. Adorei a iniciativa que eles tiveram ao usar imediatamente as prendas. E a cor fica muito bem a Kate, o cabelo ligeiramente ondulado e o seu tom bronzeado de pele, fez este vestido sobressair. Todo o visual gritava ilhas tropicais. Mas.....aquelas sandálias. Um grande nhaa, para elas.


Dia 7
Visita a uma Aldeia típica nas Ilhas Salomão



Descrição: A Duquesa usou desta vez um vestido amarelo com pregas, botões frontais e manga curta da marca britânica Jaeger. Completou o visual com sapatos nude Sledge da LK Bennett e brincos de citrina com design Kiki McDonough.

Opinião da L.: Ora agora sim, parece que a duquesa resolveu deixar os tons pastel por casa e atrever-se com um amarelo. Pessoalmente acho que a cor lhe ficava muito bem, o modelo tem um corte que já nos acostumamos a ver em Catherine, mas desta vez com COR. Se podia implicar com o cabelo? Podia, mas com aquela coroa de flores e o cabelo ondulado, Catherine parece mesmo uma Princesa dos trópicos, por isso deixo passar....por agora.

Visita à Ilha Marau, conhecida como Ilha Paraíso



Descrição: A duquesa apostou na marca Mulberry com este vestido azul-escuro sem mangas, e todo em bordado inglês. Completou o visual com o cinto para destacar a cintura, os seus famosos sapatos Stuart Weitzman Corkswoon Wedges e os brincos de citrina usados anteriormente da autoria de Kiki McDonough.

Opinião da L.: Pois desta vez não deixo passar (porque não há coroa de flores na cabeça)...O visual é todo impecável, mas a duquesa passa por vezes a ideia de desleixo com o seu cabelo. De certo que não o é, até porque uma cabeleireira particular a acompanha nesta viagem, mas com tanta humidade no ar, já era previsto que nem o cabelo de uma duquesa se mantivesse perfeito. Era previsto, mas tal poderia ser minimizado com alguns penteados, que além de ajudarem a duquesa a suportar o calor, lhe dariam um ar mais composto. E essa é a grande falha da duquesa em muitas ocasiões neste tour: a maneira como insiste em usar o cabelo solto, mesmo quando tal é completamente inconveniente.


Dia 8
Partida das Ilhas Salomão, chegada a Tuvalu.


Descrição: Pela primeira vez, não temos identificação do vestido. A peça amarela toda em bordado inglês, é, segundo o Palácio, da autoria de um designer desconhecido. A duquesa por vezes usa peças de designers que preferem manter-se no anonimato, ou então pode também ter comprado o vestido numa feira de peças em segunda mão. A imaginação é o limite. Como o calor aperta, Catherine teve à mão o belo do abanico. Usou as suas sandálias de cunha Stuart Weitzman e brincos de citrina da autoria de Kiki McDonough.

Opinião da L.: De estilista desconhecido ou não, pronto a estrear ou em segunda mão, adorei este vestido amarelo, leve e solto, com um toque retro. Finalmente o cabeleireiro da duquesa deve ter ouvido as nossas preces e Kate apresentou-se com um apanhado simples. ALELUIA!! Eu já disse que não morro de amores por aquelas sandálias. Mas vá....rendo-me ao penteado e à coroa de flores na cabeça da menina...Tão gira!

Jantar oferecido pelo Governador-Geral de Tuvalu


Descrição: Bem, a duquesa usou muitas coisas nesta noite. Resumindo a coisa o vestido é uma criação de Alice Temperley, e caracteriza-se pelos bordados em estilo hippy-chic. A duquesa completou o visual com os brincos de ouro Double Leave de Catherine Zoraida .

Opinião da L.: Palavras para quê? Foi o momento e o look do tour. =)


Retorno ao Reino Unido
Breve paragem da Austrália



Descrição: Após abandonar as ilhas menores do Pacífico, os Duques de Cambridge fizeram uma pequena paragem na Austrália para apanharem o voo (comercial, sim) para o Reino Unido. À chegada Catherine usou mais um vestido floral desta feita da marca Project D London e os seus sapatos nude Sledge LK Bennett. Depois de duas horas de espera, a duquesa trocou para uma roupa mais confortável: jeans azuis escuros e sweater branca com uma encharpe Temperley e mala Longchamp.

Opinião da L.: O primeiro vestido é muito lindo de facto, mas vestidos desses leves e soltos num terminal de aeroporto nem sempre corre bem e Catherine teve essa experiência o ano passado no Canadá. Este ano a situação repetiu-se. Nãos se sabe se foi por isso que a duquesa mudou de roupa. Eu fico-me pela hipótese da segunda roupa ser muito mais confortável para um voo de mais de 12 horas. Tempo para arranjar o cabelo também não houve, mas imagino que seja a última preocupação da duquesa neste momento. O cansaço deve ser muito.


Conclusões: O tour acabou (ohhhh),e entre processos judiciais e danças tradicionais, tudo aconteceu a William e Catherine. No que toca a moda, o que disse em Catherine vai ao Este Asiático - Parte 1 mantém-se: a Duquesa seguiu sempre apropriada, não tendo deslumbrado por ai além. As escolhas mantiverem-se sempre fiéis ao seu estilo, com forte aposta em padrões florais e tecidos leves, com saias pregueadas e cintura demarcada, alguns pormenores de renda e bordados tradicionais tanto ingleses como alusivos ao este asiático e ilhas do pacífico, com um certo toque vintage. O penteado foi a grande batalha, e infelizmente ainda não foi desta que fiquei completamente satisfeita com a duquesa.
Vou pensar no meu look favorito e depois digo-vos alguma coisa, mas acho que a escolha irá recair ou sobre o conjunto RAOUL no dia 2, ou o vestido azul-gelo da Temperley do dia 4 ou o vestido amarelo de autor desconhecido no dia 8.


E vocês? Que look da Duquesa gostaram mais neste tour?

Até lá...



Fontes: Daily Mail, WhatKateWore, HRHDuchessKate, Katemiddletonstyleblog, My small obsessions, Dress like a Lady PA images, Getty Images, HelloMagazine

Comentários

Mensagens populares