Eles fazem a diferença. E nós? / They make a difference. And about us?

Existe uma altura do ano em que grande parte da realeza e líderes mundiais rumam a Nova York para a Assembleia Geral das Nações Unidas. Numa nota bem pessoal, esta é uma das minhas alturas favoritas do ano. Não inclui tiaras, nem vestidos deslumbrantes. Não inclui palácios, nem carruagens. 
No entanto aprendi que é em eventos deste tipo que vemos as nossas meninas favoritas a mostrarem realmente de que fibra são feitas. 
É em eventos deste tipo que aprendo sempre um pouco mais. 
É em eventos deste tipo que me sinto pequena perante o trabalho inspirador que várias pessoas desenvolvem por um mundo melhor. E meus queridos, nós precisamos de um mundo melhor!
São eventos deste tipo que me fazem sentir uma royal watcher e um ser humano orgulhoso. Eu acredito, eu sei que cada um de nós pode fazer a diferença com pequenos gestos. As nossas Princesas e Rainhas têm a voz e a projecção, mas todos nós temos a capacidade de Sermos Mais e de Darmos mais! Todos nós temos a capacidade de sermos a melhor versão de nós mesmos para este mundo. Eu acredito, eu sei disso! Somos a primeira geração que pode acabar com a Pobreza extrema. E cada um de nós não deve nem pode ignorar isso.
There is a time of year when several royals and world leaders come to New York for the United Nations General Assembly. On a very personal note, this is one of my favorite times of the year. It does not include tiaras, nor dazzling dresses. It does not include palaces or carriages.
However I learned that it is in events of this type that we see our favorite girls actually show what fiber they are made of.
It is in such events that I always learn a little more.
It is in such events  that I feel small in the face of the inspiring work that many people develop for a better world. And my dear ones, we need a better world!
These events make me feel a proud royal watcher and a proud human being. I believe, I know that each of us can make a difference with small gestures. Our Princesses and Queens have the voice and the projection, but we all have the ability to Be More and to Give More! We all have the ability to be the best version of ourselves for this world. I believe, I know that! We are the first generation that can end Extreme Poverty. And each of us should not or can not ignore that.


Com a Agenda 2030 no horizonte a Assembleia Geral das Nações Unidas é marcada por uma série de eventos que promovem precisamente os Objectivos Globais das Nações Unidas para um Desenvolvimento Sustentável. Durante esta semana têm sido apresentados os grandes avanços realizados por pessoas e organizações extraordinárias que resolveram persistir, persistir, persistir até ao ponto de não retorno, rumo a um Mundo Melhor!
With Agenda 2030 on the horizon, the United Nations General Assembly is marked by a series of events that precisely promote the United Nations Global Goals for Sustainable Development. During this week have been presented the great advances made by extraordinary people and organizations who have decided to persist, persist, persist to the point of no return, towards a Better World!


A nossa Mary é uma grande embaixadora da igualdade de género e dos cuidados de saúde e acesso à educação para as meninas e mulheres de todo o mundo, e foram vários os eventos em que participou nos três dias que esteve nos Estados Unidos. Na Terça-feira, a Princesa herdeira da Dinamarca participou na entrega dos Prémios GoalKeepers Global Goals que destingem aqueles que estão a conseguir progressos no caminho para os Objectivos globais das Nações Unidas. A sua comunicação começa ao minuto 22:24.
Our Mary is a great ambassador for gender equality and health care and access to education for girls and women around the world, and there have been several events in which she participated in the three days she spent in the United States. On Tuesday, the Crown Princess of Denmark participated in the delivery of the GoalKeepers Global Goals Awards that highlight those who are making progress on the way to the United Nations Global Goals. Her communication starts at 22:24 minute.

Embed from Getty Images

Mary apresentou o Prémio Healthy not Hungry a Bernard Coulibaly. Este prémio reconhece os esforços individuais no combate à desnutrição crónica que afecta crianças e mães e que estão a mudar vidas na sua comunidade ou país.
Mary presented the Healthy Not Hungry Award to Bernard Coulibaly. This award recognizes individual efforts to combat chronic malnutrition affecting children and mothers who are changing lives in their community or country.


Máxima, Rainha da Holanda voou após os Prinsjesdag para Nova York, onde participou ontem, na qualidade de Defensora Especial das Nações Unidas para a Inclusão Financeira e Desenvolvimento na sessão GoalKeepers2017, um evento patrocinado pela Fundação Bill e Melinda Gates. Para este evento são convidados líderes de negócios, sociedade civil, media, tecnlogia, académicos e governo para explorar formas para alcançar os Objectivos Globais das Nações Unidas. Máxima falou na sessão: "Grandes Expectativas: a tecnologia com um propósito". Podem ver a sua intervenção a partir da 1h35.
Máxima, Queen of the Netherlands flew after the Prinsjesdag to New York, where she participated yesterday as United Nations Special Advocate for Financial Inclusion and Development in the session GoalKeepers2017, an event sponsored by the Bill and Melinda Gates Foundation. For this event, business, civil society, media, technology, academia and government leaders are invited to explore ways to achieve the United Nations Global Goals. Máxima spoke at the session: "Great Expectations: technology with a purpose". You can see her intervention from 1h35.

Embed from Getty Images

Com a sua luz e à vontade tão próprios, Máxima referiu que quando começou este trabalho há 10 anos trás a inclusão financeira dava passos lentos mas que agora acredita " que graças à tecnologia podemos realmente consegui-lo ainda antes de me reformar, se alguma vez farei tal coisa".
With her own light and at ease, Máxima said that when she started this work 10 years ago financial inclusion took slow steps but now believes that "thanks to technology we can actually make it before I retire, if ever I will do such a thing ".


Embed from Getty Images

Na mesma sessão GoalKeepers2017 também podemos ouvir a intervenção da Rainha Rania da Jordânia em " Agora, os Goalkeepers: o guia ABC para alcançar os Objetivos Globais". Rania é uma presença frequente nas Nações Unidas dada a sua paixão em melhorar a educação e erradicar a pobreza, dando o seu contributo para reforçar o poder das comunidades locais e conduzir a inovação para as sociedades. É uma defensora da tolerância e uma voz influente na luta contra os esterótipos existentes de Árabes e Muçulmanos e uma promotora da tolerância e compreensão entre pessoas de diferente fé.
In the same GoalKeepers2017 session we can also hear the intervention of Queen Rania of Jordan in "Now the Goalkeepers: the ABC guide to reach the Global Objectives". Rania is a frequent presence at the United Nations because of her passion for improving education and eradicating poverty by contributing to the empowerment of local communities and driving innovation to societies. She is a champion of tolerance and an influential voice in the struggle against the existing stereotypes of Arabs and Muslims and a promoter of tolerance and understanding between people of different faiths.

Embed from Getty Images

"Demasiadas vezes, o desvio e o fanatismo ocupam as nossas ruas e os nossos ecrãs. À medida que nosso mundo se abre, vemos os corações a fecharem-se. Mas esta geração está determinada a fazer a diferença, apesar das nossas diferenças; para trabalhar em conjunto, em vez de simplesmente passar ao outro (...) Vocês podem ser a geração que passou do "podemos fazer" para "nós fizemos". 
"Too often, bias and bigotry are occupying our streets and our screens. As our world opens up, we see hearts closing down. But your generation is determined to make a difference, despite our differences; to work together, instead of simply Tweeting past one another (...) You can be the generation that take us from "we can do" to "we did".



No dia anterior a Rainha Rania tinha entregue o Prémio de Cidadão Global do Conselho do Atlântico ao Primeiro-Ministro canadiano Justin Trudeau, pelo seu trabalho em transformar "compaixão em acção" perante a crise global dos refugiados bem como o seu respeito pela liberdade universal, pela diversidade e prosperidade e pela sua promoção de comércio e fronteiras abertas .
The day before, Queen Rania had handed the Atlantic Council's Global Citizen Award to Canadian Prime Minister Justin Trudeau for his work on turning "compassion into action" in the face of the global refugee crisis as well for his respect for universal freedom, diversity and prosperity and for its promotion of trade and open borders.


Confesso-vos que neste momento o Primeiro-Ministro canadiano é de facto um político que eu admiro bastante. Parte do motivo pelo qual eu gosto de seguir as monarquias é pelo papel de influência que estas pessoas têm. Influência positiva, entenda-se. E cada vez que oiço Trudeau, Obama, Felipe VI, Rania (já ouviram a Rania com atenção??) ou mesmo o nosso Marcelo Rebelo de Sousa eu ganho um pouco mais de alento, mesmo quando muitos deles não são representantes de casas reais. Mas são pessoas cuja bondade e compaixão são visíveis. São pessoas que têm o dom da palavra, mas mais do que isso, são pessoas que transmitem no olhar tudo o que acreditam.
São pessoas genuinamente boas. E o Bem tem que ser valorizado. "Já é tempo das pessoas boas terem poder". A frase não é minha, mas subscrevo-a.
I confess to you that at this moment the Canadian Prime Minister is indeed a politician whom I greatly admire. Part of the reason I enjoy following monarchies is because of the influence they have. Positive influence, you know. And every time I hear Trudeau, Obama, Felipe VI, Rania (have you ever heard Rania with attention?) or even our Marcelo Rebelo de Sousa, I feel a bit more assure, even when many of them they are not representatives of royal houses. But they are people whose goodness and compassion are visible. They are people who have the gift of the word, but more than that, they are people who transmit in their eyes everything they believe.
They are genuinely good people. And the Good has to be valued. "It's about time for good people to have power." The quote is not mine, but I sign it down. 

Vivemos na era da influência e ainda que numa escala muito pequena, espero que cada vez que aqui coloquei o link das para Objectivos Globais das Nações Unidas para um Desenvolvimento Sustentável e foram não foram poucas as vezes -  alguns de vocês tenham ido informar-se um pouco mais sobre eles! 
Porque este pode ser o meu papel na cadeia de influência. Porque sempre quis que o T&T fosse muito mais do que um blog de realeza.
We live in the era of influence and even on a very small scale, I hope that every time I put here the link for the United Nations Global Goals for Sustainable Development - and I did it a lot - , some of you have gone to find out a bit more about them!
Because this can be my part on the influence chain. Because I've always wanted T & T to be so much more than a royalty blog.

---
Tenho andado muito ocupada esta semana com mudanças pessoais e novas etapas profissionais, por sinal muito coerentes com este post (ou assim espero!), por isso mesmo amanhã viajarei para Madrid e o T&T volta na segunda-feira.
I have been very busy this week with personal changes and new professional steps, by the way very coherent with this post (or so I hope!), and so tomorrow I will travel to Madrid and T & T will return on Monday.

Comentários

Mensagens populares