#AIDS2016 - Quem estará por lá? / #AIDS2016 - Who will be there?

Esta semana algumas das nossas caras conhecidas preparam-se para participar na maior conferência internacional sobre SIDA em Durban, África do Sul.
This week some of our familiar faces participate in the largest international AIDS conference in Durban, South Africa.
Este ano o grande tema da conferência é  "Access Equity Rights Now", o que numa tradução aproximada quer dizer "Acesso a Direitos Imparciais Já".
This year's major conference theme is "Access Equity Rights Now".

Segundo o enquadramento da conferência deste ano:
According to the framework of the conference this year:

"O acesso a medicamentos vitais anti-virais em 2000 era consideravelmente limitado, e as doações investidas em actividades sobre a SIDA ascendiam apenas a uma pequena fracção dos níveis de financiamento actuais.
Mais de uma década depois, a resposta global face à SIDA foi transformada. Chegámos ao objcetivo de fornecer acesso ao tratamento HIV a 15 milhões de pessoas em 2015. Adicionalmente a UNAIDS estima que no período 2002-2012, o acesso a tratamento contra o HIV evitou cerca de 4.2 milhões de mortes a nível global e contribuiu para uma redução do número de novas infecções na ordem dos 58%."  
"Access to lifesaving antiretroviral drugs in 2000 was sharply limited, and donor spending on AIDS activities amounted only to a small fraction of current funding levels. More than a decade later, the global AIDS response has been transformed. We’ve reached the goal of providing 15 million people with access to life-saving HIV treatment by 2015. Additionally, UNAIDS estimates that from 2002 to 2012, expanded access to HIV treatment averted 4.2 million deaths globally and contributed to a 58% reduction in new HIV infections."

No entanto e apesar de todos os avanços alcançados mais de 60% das pessoas que vivem com HIV continuam sem fazer qualquer tipo de terapia anti-viral. Desta forma os objectivos para a 21ª Edição desta conferência internacional são:
However, despite all the advances achieved over 60% of people living with HIV still do not make any kind of anti-viral therapy. Thus the objectives for the 21th edition of this international conference are:

1- Reunir os peritos no conhecimento avançado sobre o HIV, apresentar novas descobertas científicas e promover o desenvolvimento científico bem como a colaboração da comunidade por todo o mundo;
1- Bringing together the world’s experts to advance knowledge about HIV, present new research findings, and promote and enhance scientific and community collaborations around the world; 
2-  Promover respostas ao HIV que são suportados e adaptadas às necessidades de populações de risco ou as pessoas que vivem com o HIV, incluindo mulheres e meninas, homens que fazem sexo com homens, transgéneros, profissionais do sexo, jovens, e as pessoas que usam drogas;
2- Promoting HIV responses that are supported by and tailored to the needs of at risk populations or people living with HIV, including women and girls, men who have sex with men, transgender people, sex workers, young people, and people who use drugs; 
3- Promover o activismo e mobilização da comunidade que inclui líderes, a indústria e os governos responsáveis e aumentar o seu compromisso para com os direitos humanos de afirmação da resposta ao HIV e SIDA baseada em evidências;
3- Promoting activism and community mobilization that holds leaders, industry, and governments accountable and increases their commitment to an evidence-based, human-rights-affirming HIV and AIDS response;  
4- Avançar com uma agenda clara para HIV dado a conjuntura pós-2015, incluindo as questões transversais de criminalização, violência baseada no género, saúde sexual e reprodutiva, direitos e estigma e discriminação que fazem com que as pessoas que vivem com HIV estejam no centro da resposta;
4- Advancing a clear agenda for HIV in a post-2015 framework, including the cross-cutting issues of criminalization, gender-based violence, sexual and reproductive health, rights, and stigma and discrimination that keep people living with HIV at the center of the HIV response; 
5- Construir parcerias inovadoras com empresas, comunidades, governo e ciência para reforçar os esforços de prevenção e tratamento do HIV.
5- Building innovative partnerships with businesses, community, government, and science to strengthen HIV prevention and treatment efforts.
A Princesa Tessy do Luxemburgo já se encontra na África do Sul para assistir a esta conferência e tem partilhado imensas fotografias na sua conta oficial do Instragram. A princesa participa activamente com a UNAIDS
Princess Tessy of Luxembourg is already in South Africa to attend this conference and shared lots of photos in her official account on Instragram. The Princess is an active supporter of UNAIDS

Aqui com a sempre exótica Princesa da Suazilândia, uma dos países mundiais com taxa mais elevada de infectados com HIV.
Here with the always exotic Princess of Swaziland, one of the world's countries with the highest rate of HIV-infected.


A Princesa luxemburguesa partilhou ainda uma foto onde se podem ver voluntários de uma clínica de bem-estar que trabalham junto a mulheres que trabalham como profissionais do sexo e que estão infectadas com HIV. Tessy terá incluindo uma dessas clínicas para perceber melhor o que leva estas mulheres a optarem por este modo de vida.
The Luxembourg Princess also shared a photo where you can see volunteers from a wellness clinic working with women who work as sex workers and who are infected with HIV. Tessy took part of one of these clinics to better understand what drives these women to choose this way of life.


A princesa Mabel Van Oranje também se encontra na África do Sul. Mabel aborda a questão do HIV/SIDA e os casamentos infantis. Muitas meninas e adolescentes são forçadas a casar, com homens bem mais velhos. por questões culturais em muitos países. Mabel é presidente da organização Girls Not Brides.
Princess Mabel Van Oranje is also in South Africa. Mabel addresses the issue of HIV / AIDS and child marriages. Many girls and adolescents are forced to marry with much older men. for cultural reasons in many countries. Mabel is president of Girls Not Brides organization.

Esta semana também poderemos contar com a presença do Príncipe Harry de Gales, co-fundador da Sentabale.
This week we can also count on the presence of Prince Harry of Wales, co-founder of Sentabale.

Que bom ver finalmente uma cara real masculina envolvida nestas causas.
I'm so glad that finnaly we have a male royal face on this events.

Comentários

Mensagens populares