Sonhos com História #9 / Dreaming with History #9

Recentemente saiu o novo trailer do filme Grace do Mónaco com estreia prevista para o mês de Maio.
Achei que seria uma boa ideia para recordar a mais emblemática princesa do pequeno principado,  na semana em que a Princesa Charlene do Mónaco, actual princesa consorte,  deu uma entrevista à Vanity Fair Italia. Quando questionada acerca dos seus planos em ter filhos com o Príncipe Albert, Charlene respondeu: 
" Eu desejo muito que tal aconteça, tudo está nas mãos de Deus. Casais passam por momentos complicados e por mudanças profundas nas nossas vidas e estarmos juntos foi sempre o desafio que acabou por nos unir. Eu tenho uma imensa confiança no nosso amor. O Príncipe Albert é meu marido, mas é também o meu melhor amigo e tem sido ele que me tem ajudado a superar obstáculos que me pareciam intransponíveis."

Recently  it was released a  new trailer for the film Grace of Monaco with debut scheduled for May. 
I thought it would be a good idea to remember the most iconic princess of the tiny principality in the week that Princess Charlene of Monaco, the current Princess Consort, gave an interview to Vanity Fair Italia. When asked about their plans for having children with Prince Albert, Charlene replied:

 “I wish very much, everything is in God’s hands. Couples passed many difficult moments, profound changes in our personal lives, being together has always been a challenge that has brought us together. I have a boundless confidence in our love. Prince Albert is my husband, but has also always been my best friend, and has been able to help me overcome obstacles that seemed insurmountable.”



Hoje deixo-vos com um documentário sobre a sogra que Charlene nunca conheceu, mas cuja história, beleza e carisma ainda pairam sobre o Mónaco. Grace não teve problemas em gerar herdeiros, mas a sua vida não foi o conto de fadas que se pensa. Talvez Charlene seja mais feliz, talvez não. Só o tempo o dirá.
Today I leave you with a documentary about the mother-in law Charlene never met, but whose history, beauty and charisma still hang over Monaco. Grace had no trouble generating heirs, but her life was not the fairy tale you think. Charlene might be happier, maybe not. Only time will tell.



"Although, I've played a wide variety of roles, I've never had the chance to act in a story written specially for me. It's a pity as they are the only stories that really let you reveal your personality."
Grace Kelly



Comentários

  1. Estou aguardando ansiosa a estreia do filme, tenho certeza que Nicole Kidman deu o melhor de si para este papel, afinal é uma responsabilidade, não é todo dia que interpretamos ícones. Grace Kelly foi mais que uma princesa ou uma atriz famosa de hollywood... é impressionante... tantos anos se passaram e Grace nunca foi esquecida... Já tinha visto esse documentário antes e parando pra pensar um pouco cheguei a conclusão de que Rainer e Grace foram os únicos que governaram Mónaco divinamente, atualmente penso que a monarquia de Mónaco está apagada e bagunçada, não há nada de interessante e ao meu ponto de vista está sem brilho. Não sei porque, mas tinha esperança em Pierre e Beatrice, pena que Pierre não é príncipe :( (você me disse da última vez...)
    Sobre Charlene... acho ela bem discreta e comportada , mas quando a vejo em sites, revista e etc ela não me passa uma sensação agradável, por exemplo eu abro a página de uma revista e vejo Kate Middleton, Princesa Mary, rainha Máxima e me interesso de imediato, são mulheres interessantes de se ver, a simpatia de Máxima, a elegância de Mary ou a simplicidade de Kate são coisas que eu paro pra ver, mas quando vejo Charlene não vejo nada de interessante, nem mesmo nas roupas, ela parece que não tem simpatia, muitas vezes é neutra (desde seu casamento ela não me agrada) eu tenho certeza que ela não pode ter filhos, porque eu acho que numa monarquia um herdeiro é fundamental e quanto mais rápido melhor, já estamos no quarto ano desde que ela se casou e Mônaco ainda não tem um herdeiro... já passou do tempo , concorda?
    Ps: eu sei que falei demais, me senti num debate eleitoral loool até a próxima! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Juélicy. Obrigada pelo seu (longo) comentário. :)
      Partilho a generalidade da sua opinião. Apesar de achar que o casamento de Rainer e Grace não foi muito feliz, acho que sem dúvida eles souberam ser soberanos. Quanto a Charlene ainda não a entendi de todo. Mas para ser sincera, já desisti de entender o Mónaco.

      :)

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares