segunda-feira, 4 de março de 2013

Casamento nos Alpes

Pensei se haveria algo de interessante em escrever este post, mas depois pensei que se há um look para discutir, claro que pode ser interessante. ;)
Os Duques de Cambridge e o Príncipe Harry viajaram na sexta-feira passada para a Suiça, para assistir ao casamento do grande amigo e companheiro de pólo de William e Harry, Mark Tomlinson com a atleta equestre Laura Bechtolsheimer. Laura é neta do bilionário Karl-Hanz-Kipp e ganhou uma medalha de ouro na categoria de equipas e uma medalha de bronze em individuais nos últimos Jogos Olímpicos, em Londres no Verão passado.
Um casamento no Inverno, ainda mais nos Alpes, não é para todos.
De facto Arosa foi a localidade escolhida para a boda destes grandes nomes da sociedade britânica, num evento que reuniu cerca de 250 convidados. A cerimónia religiosa decorreu na Igreja Evangélica de Arosa, onde a noiva chegou de charrete devidamente protegida do frio numa criação de Bruce Oldfield e acompanhada do seu pai.


 Os recém-casados também abandonaram a igreja de charrete.



A Recepção teve lugar no Tschuggen Grand Hotel, propriedade do avô da noiva. Um hotel de luxo num cenário idílico das montanhas alpinas.
O trio real de convidados esteve bastante divertido e descontraído. 

William como grande amigo de Mark desempenhou funções de Usher, uma espécie de dama-de-honor masculina  cuja função pode variar entre assegurar-se de que o noivo não foge até, por exemplo ter sempre a postos o veículo de fuga, em caso de dúvidas =P
Por isso mesmo, William chegou sozinho à cerimónia e Catherine foi acompanhada pela cunhado.



A Duquesa optou por reciclar grande parte das peças. Num visual bege e castanho-chocolate, Catherine usou o vestido chiffon MaxMara Studio, com padrão animal, usado na sua visita a Cambridge antes do anúncio da gravidez. Completou o visual com o casaco comprido em tom bege, de designer desconhecido até agora, chapéu castanho "Betty Boop" de James Lock & Cousado há quase um ano atrás na Cerimónia Militar de St. Patrick Day,  brincos de pérola  Annoushka, pendentes numas argolas Kiki McDonough e finalmente sapatos em camurça castanhos e clutch a condizer da marca Emmy.
A duquesa usou ainda uma gola em pele, que poderá ou não, fazer parte do casaco.
Pessoalmente não gostei deste visual. Acho que se por um lado, o vestido era bastante fresco para o clima (sim, sim, eles depois devem ter ido para um local com dezenas de lareiras e bastante calor), por outro lado achei que envelheceu bastante a duquesa. Gostei no entanto da combinação de cores e ADOREI os sapatos. Estave elegante, mas só.
De qualquer forma não deve ser fácil vestir-nos para um casamento nos Alpes, além de que a atenção deve estar focada na noiva, e penso que Catherine teve isso bastante em conta.

E vocês? O que acharam?

O casal continuou no Alpes no Domingo, entre passeios pelas montanhas pela parte da gestante Kate até exploração das pistas de ski, por parte de William e Harry. Hoje já devem estar de volta a Londres, pois a duquesa tem uma visita amanhã a Grimsby.

Boa semana!


2 comentários:

  1. Concordo a 100%!!
    O animal print nunca me pareceu indicado para cerimónias. Quanto ao reciclar, já sabes a minha opinião :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também sou toda a favor da reciclagem de peças! Até porque não faz sentido nos dias de hoje, pessoas como estas, que têm de dar o exemplo, não o fazerem. :)

      Eliminar