segunda-feira, 28 de maio de 2012

Há algo doce nos reinos do Norte...


Se existe uma coisa que me anima mais que casamentos reais, são os nascimentos e consequentes baptizados (entre outras coisas que podem não ter nada a ver com realeza).
Nos casamentos a grande surpresa é o vestido da noiva, até ai não há dúvidas.
Mas nos baptismos há muito, muito mais.
Vejamos os casos mais recentes:
Com quase um mês de diferença, nasceram duas princesas no Norte da Europa. Aliás tem sido um ano bastante cor-de-rosa.
A 24 de Janeiro veio ao mundo a “pequena princesa da Dinamarca”, única filha do Principe Joachim (pai de três meninos) e da sua segunda esposa, a Princesa Marie. "Pequena princesa da Dinamarca" porque segundo o costume deste país, o nome do recém-nascido só é revelado no dia do baptizado.
A 23 de Fevereiro, nasceu a futura Rainha da Suécia. Filha da princesa herdeira Vitória e do antes plebeu, agora Príncipe Daniel (que não era sapo antes de ser beijado pela princesa Vi). 
Se existia grande expectativa em relação ao sexo da criança, maior supressa foi o seu nome: Estelle Silvia Ewa Mary. Acreditem que primeiro estranha-se e depois entranha-se. O nome revelado dois dias a seguir ao seu nascimento, apenas atenuou a expectativa em relação aos padrinhos da 2ª na linha de sucessão ao trono sueco. Algo que só seria revelado no dia do baptismo.
A 20 de Maio os dinamarqueses ficaram a saber que a sua pequena princesa iria responder pelo nome de Athena Marguerite Françoise Marie. A meu ver um nome demasiado grego-francês para uma princesa dinamarquesa, mas a originalidade tem destas coisas. A menina recebeu ainda o titulo de Condessa de Monpezat. Os padrinhos foram Gregory Grandet, Edouard Cavallier, Carina Axelsson, Julie Mirabaud, Diego de Lavandeyra e Henriette Steenstrup. A cerimónia foi bonita e privada q.b., como convém ao baptizado de um filho do 2º na linha de sucessão (ver resumo aqui)
Já a 22 de Maio, a Suécia (e eu!) viu uma das cerimónias mais bonitas de sempre (ver video resumo aqui). É daquelas coisas, em que o dourado e o brilho das jóias e o simbolismo dos rituais, embora presentes, são ofuscados pela doçura e felicidade de tudo e todos. A princesa Estelle da Suécia, Duquesa de Östergötland e futura rainha dos suecos, fez as delicias dos presentes e dos milhares que seguiram a cerimónia. A curiosidade foi satisfeita acerca dos padrinhos. Para uma futura Rainha, só poderiam ser futuros Reis: Princesa Mary da Dinamarca, Príncipe Carl-Philip da Suécia (tio da pequena),  Principe  Haakon da Noruega, Willem-Alexander, Principe de Orange, e Anna Westling Söderström (tia de Estelle). A cerimónia foi um acontecimento oficial, com todos os 400 convidados a que teve direito. A princesinha foi ainda agraciada com a faixa da Real Ordem de Seraphim, feita à sua pequena medida (foto). Uma delicia....

 Princesa Vitória, Príncipe Daniel e Princesa Estelle da Suécia, Fonte: kungahuset.se
Príncipe Joachim, Princesa Marie e Princesa Athena da Dinamarca; Fonte: kongehuset.dk


Como não poderia deixar de ser aqui ficam mais fotos, inclusive dos modelitos usados pelos convidados nos dois baptizados para tiraram ideias (aqui e aqui).
Vão dizendo coisas....


Sem comentários:

Enviar um comentário